Paulistano está mais satisfeito com São Paulo, diz Ibope

Número de pessoas que quer deixar São Paulo caiu em relação 2010, em relação ao ano anterior

AE |

selo

Pesquisa Ibope realizada entre o final de novembro e o início de dezembro do ano passado mostra que o número de pessoas que quer deixar São Paulo caiu em relação a 2009, mas ainda é significativo: corresponde à metade da população paulistana. Além disso, os alagamentos passaram a figurar entre os cinco principais problemas da cidade.

Pelo terceiro ano, o levantamento será apresentado pelo Movimento Nossa São Paulo no dia 20 de janeiro, às vésperas no aniversário da capital, que comemora 457 anos no dia 25. A pergunta "caso pudesse, sairia de São Paulo para viver em outra cidade, ou não sairia?" foi respondida por 1.512 pessoas em todas as regiões da cidade. Ao todo, 51% dos entrevistados responderam que sairiam. Outros 48% disseram que gostariam de continuar e 1% não souberam ou não responderam.

Os dados preliminares da pesquisa foram divulgados ontem pelo Nossa São Paulo. Em relação ao ano passado, quando 57% disseram que gostaria de deixar a capital, a satisfação do paulistano aumentou seis pontos porcentuais. Em novembro de 2008, havia sido de 46%.

A pesquisa indica ainda que os assuntos ligados à segurança pública seguem líderes no ranking dos principais problemas da vida na maior metrópole da América Latina. Para a pergunta "pensando no seu dia a dia, que situações mais fazem com que você sinta medo na cidade de São Paulo?", as respostas mais citadas pelos paulistanos foram: violência em geral, assalto e roubo, tráfico de drogas, sair à noite, alagamentos e trânsito. O levantamento foi realizado no início da temporada de chuvas, no final do ano passado, mas no período não foi registrada nenhuma grande enchente na cidade. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: são pauloibopepesquisaalagamentos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG