Noite e madrugada violentos nas zonas sul e leste de SP

Dois adolescentes de 15 anos dirigiram carros roubados. Houve troca de tiros no Morumbi e em São Mateus

AE |

selo

O final da noite de sexta-feira (13) e o início da madrugada deste sábado foram marcados por assaltos, roubos, perseguições, tiroteio, acidente e mortes nas zonas sul e leste da capital paulista. Dois adolescentes, ambos em veículo roubado, se envolveram em duas das quatro ocorrências registradas até o momento. Um deles foi preso e outro morreu numa troca de tiros com a Polícia Militar.

Por volta das 22h30, ao lado de um comparsa, maior de idade, e ao volante de um Ford EcoSport preto roubado, um adolescente de 15 anos perdeu o controle da direção quando era perseguido por policiais militares da 5ª Companhia do 37º Batalhão e atingiu de frente um Renault Clio vermelho e de raspão outros cinco veículos ao invadir a contramão da Avenida Carlos Caldeira Filho próximo à Avenida Giovanni Gronchi, entre os bairros de Vila Andrade e Campo Limpo, próximo ao Morumbi, na zona sul da cidade. O motorista do Renault foi encaminhado em estado grave para o pronto-socorro municipal do Campo Limpo. Tanto o menor como o outro bandido foram detidos e encaminhados para o 89º Distrito Policial, do Portal do Morumbi.

Ainda na mesma região do Morumbi, à 1h30 desta madrugada, policiais militares de uma viatura da 5ª Companhia do 16º Batalhão tiveram de pedir reforço de outros veículos pois não conseguiram entrar em um pancadão que tomou conta da esquina entre as ruas Ernest Renam e Rodolfo Lotze, no interior da Favela Paraisópolis. Acionados por moradores que haviam escutado tiros em meio à aglomeração de dezenas de pessoas - boa parte consumindo cerveja e drogas e reunida em volta de veículos com som acima do permitido pelo horário - os policiais foram até o endereço, mas foram acuados pelos baderneiros e tiveram que acionar reforço. Até as 3h30, não havia informações ainda sobre pessoas detidas ou baleadas.

Zona leste

Por volta da 0h30, um adolescente de aproximadamente 15 anos teria trocado tiros com PMs da 2ª Companhia do 38º Batalhão ao abandonar um Fiat Ducato Cargo, ano 2009, roubado, que era perseguido pelos policiais, na altura do nº 1.950 da Avenida Mateo Bei, em São Mateus. Segundo os policiais, o adolescente portava uma pistola calibre 765 e disparou quatro vezes contra eles, restando nove munições no pente da arma. Baleado, o adolescente morreu quando era atendido no Hospital Geral de São Mateus. O caso seria encaminhado para o 49º Distrito Policial, de São Mateus.

Cerca de duas horas antes, às 22h15 de sexta-feira, um homem foi morto com dois tiros nas costas e um no rosto, ao tentar escapar de um suposto assaltante na Rua Francisco Marengo próximo da Rua Diamante Preto, no Tatuapé, zona leste da cidade. Clientes de uma lanchonete localizada nesta esquina ligaram para o 190 informando que uma suposta vítima de tentativa de assalto passou correndo em frente ao estabelecimento e que fugia de um bandido. Após ser atingida por dois disparados nas costas, a vítima caiu e foi baleada mais uma vez, porém no rosto. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) encaminhou o homem baleado para o pronto-socorro do Tatuapé, mas ele não resistiu e morreu. O caso foi registrado no 30º Distrito Policial, do Tatuapé.

    Leia tudo sobre: crimeassaltomorumbi

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG