Motorista de ônibus é agredido após morte de motoqueiro

Após atropelar motoqueiro na zona norte de SP, motorista da viação Sambaíba é agredido e tem vidros do ônibus quebrados

AE |

O motorista de um ônibus da Viação Sambaíba, identificado como Elival Alves de Almeida, de 41 anos, foi agredido por duas pessoas, na noite de terça-feira, após atropelar e matar um motoqueiro na rua Saguairu, altura do nº 916, no bairro da Casa Verde Baixa, na zona norte de São Paulo. O veículo também teve dois vidros quebrados.

De acordo com a polícia, ao volante do coletivo, Elival teria sido surpreendido por uma moto Yamaha XT 660R, cujo piloto, Eleandro Rendes Giorgetto, de 31 anos, realizava uma ultrapassagem ilegal. O motoqueiro invadiu a pista contrária e atingiu o ônibus de frente, morrendo no local.

Como o motoqueiro era conhecido na região, duas das várias testemunhas do acidente correram até o local e, após uma discussão, agrediram o motorista e quebraram dois vidros do ônibus.

Segundo a polícia, nenhum dos passageiros se envolveu na briga. Os dois agressores foram encaminhados pela Polícia Militar para o plantão do 13º Distrito Policial, da Casa Verde. Como não eram procurados pela justiça, assinaram o boletim de ocorrência e foram liberados, mas poderão responder por lesão corporal dolosa e danos ao patrimônio privado.

    Leia tudo sobre: morte de motoqueiroagressãoônibus

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG