Menino de 9 anos é morto por colega em escola de SP, diz polícia

Criança foi baleada a queima roupa dentro de sala de aula em Embu. Polícia considera que tiro foi dado por colega da mesma idade

iG São Paulo |

O estudante Miguel Cestari Ricci dos Santos, de 9 anos, morreu, por volta das 13h desta quarta-feira, após ser atingido por um tiro dentro da sala de aula do Colégio Adventista localizado na Chácara Lídia, na cidade de Embu, região metropolitana de São Paulo.

AE
Fachada do Colégio Adventista, em Embu, na Grande São Paulo
Segundo informações da polícia, o menino foi atingido por um tiro a queima roupa na região do abdômen dado, provavelmente, por outro colega da mesma idade. A polícia ainda não sabe se o tiro foi acidental ou motivado. A arma ainda não foi localizada.

O escrivão da polícia informou que policiais militares foram acionados para atender uma ocorrência de bomba dentro do colégio, que fica na avenida Julieta Jacyra Gallo. Quando chegaram, o diretor do local já estava realizando massagens cardíacas na criança.

De acordo com o médico Marcos David, do Family Hospital, em Taboão da Serra, a criança chegou ao local por volta das 11h50 em estado gravíssimo e foi encaminhada diretamente ao centro cirúrgico. A bala atravessou o intestino e estava alojada no rim direito. "Logo no início da cirurgia ele teve parada cardiorrespiratória e foi tentada a ressuscitação por uma hora, mas sem sucesso", afirmou. Por volta das 16h30, o corpo do menino ainda permanecia no hospital e os pais estavam na delegacia.

A assessoria de imprensa do colégio informou apenas que houve um acidente com um de seus alunos e se comprometeu a divulgar uma nota oficial sobre o assunto. A polícia procura informações sobre o autor do disparo.

*Com informações da Agência Estado

    Leia tudo sobre: tirocriançamorteescola

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG