Manifestantes protestam contra aumento da tarifa de ônibus em SP

Estudantes se concentraram na av. Brigadeiro Faria Lima e seguiram em direção a residência do prefeito Kassab

Nara Alves, iG São Paulo |

Nara Alves
Manifestantes na avenida Brigadeiro Faria Lima, em São Paulo
Cerca de 120 manifestantes, na maioria estudantes, protestaram pelas ruas do bairro Itaim Bibi, na zona sul de São Paulo, contra o preço da passagem de ônibus na capital paulista. Eles se concentraram em frente ao Shopping Iguatemi, na av. Brigadeiro Faria Lima, que ficou fechada por duas vezes por alguns minutos, e seguiram em direção a casa do prefeito Gilberto Kassab, que fica na região do shopping.

Embora o prefeito esteja na França, a Polícia Militar (PM) mobilizou cerca de 30 policiais para ficarem em alerta no quarteirão da casa. Toda a região que fica entre o Hospital das Clínicas e a Marginal Pinheiros, na zona sul, ficou com o policiamento reforçado.

Os estudantes alegam que transporte público deveria ser gratuito porque não é uma mercadoria. Quando chegaram em frente a casa do prefeito, colocaram fogo em um boneco com a imagem do Kassab e gritaram palavras de ordem como "se a tarifa não baixar a cidade vai parar" e " aqui vai virar o Egito".

Toda a movimentação foi gravada pela polícia para identificar manifestantes, caso seja necessário. As imagens são feitas pela equipe "Olho de Águia" e são transmitidas ao vivo para o monitoramento da central da PM na zona norte da cidade, segundo o major Nagy.

Nara Alves
Boneco com imagem de Kassab é queimado pelos estudantes em frente a sua casa

    Leia tudo sobre: manifestaçãoônibuskassab

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG