Mais de 1,5 milhão de veículos devem deixar SP no feriado

Concessionárias recomendam que os motoristas evitem viajar entre 16h e 23h de sexta-feira e, entre 8h e 12h, de sábado

iG São Paulo |

Cerca de 1,5 milhão de veículos devem deixar a capital paulista entre esta sexta-feira e a próxima terça-feira por conta do feriado de 7 de setembro,  Dia da Independência. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) recomenda que os motoristas que se dirigem às rodovias evitem utilizar o sistema viário na sexta-feira entre 14h e 22h, programando a viagem preferencialmente para após às 22h e até as 6h de sábado.

Além disso, os veículos de carga devem evitar acessar o sistema viário da cidade, especialmente a Marginal do Rio Tietê. A melhor opção para quem vem da região Norte do País e irá acessar as rodovias Presidente Dutra, Fernão Dias e Ayrton Senna, com destino ao Sul, é utilizar as rodovias D. Pedro I e Rodoanel Governador Mário Covas.

Os motoristas vindos da região Sul podem trafegar pelas rodovias Régis Bittencourt, Raposo Tavares, Castello Branco e sistema Anhanguera-Bandeirantes, utilizando posteriormente também o rodoanel e a rodovia D. Pedro I.

A CET recomenda para quem vem do interior de São Paulo com destino ao litoral pelo sistema Anchieta/Imigrantes que também opte pelo rodoanel liberando a malha viária da cidade.

Litoral sul

Entre 280 mil e 410 mil veículos devem deixar a capital paulista em direção à Baixada Santista, no litoral sul do Estado, entre a 0h de sexta-feira, dia 3 de setembro, e 24h do dia 7, terça-feira. A estimativa é da concessionária Ecovias, responsável pelo Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI).

A Operação Descida (7X3), onde o motorista terá como opção as duas pistas da via Anchieta e a pista sul da Imigrantes, começará às 16h, quando a concessionária espera aumento do fluxo de veículos. A operação irá até a 1h de sábado e depois será interrompida na madrugada e retornará das 8h às 20h.
No domingo a operação volta a acontecer das 9h às 12h.

Já na tarde de domingo a Ecovias implantará a Operação Subida (2x8), em que o retorno a São Paulo será realizado pelas duas pistas da Imigrantes e pela norte da Anchieta. Na segunda-feira a operação voltará a ser implantada das 18h às 24h e, na terça-feira, à partir das 10h.

Para atender aos motoristas, a Ecovias afirma que estarão disponíveis 11 pick-ups de inspeção de tráfego, uma ambulância UTI, quatro ambulâncias de resgate, três veículos leves de atendimento rápido, dez guinchos leves e três guinchos pesados.

Litoral Norte e interior

A concessionária Ecopistas considera que entre 890 mil e 970 mil veículos devem passar pelas quatro praças de pedágio do Corredor Ayrton Senna / Carvalho Pinto para ir e voltar da região serrana de Campos do Jordão, do Litoral Norte, Alto Tietê e Vale do Paraíba no feriado prolongado. Com destino ao interior do Estado a expectativa é que 170 mil veículos utilizem a via.

Nos horários de pico a concessionária afirma que colocará 65 funcionários nas praças de pedágio para realizar a cobrança antecipada das tarifas.

Pelas rodovias Castello Branco e Raposo Tavares o tráfego também deve ser intenso durante todo o feriado. A expectativa da concessionária Via Oeste é que mais de 580 mil veículos circulem pelos dois sentidos das vias entre os dias 3 e 7.

O horário de pico no sentido interior deve se concentrar entre as 17h e 23h de sexta-feira e, entre as 7h e 17h, de sábado. Se possível, a Via Oeste recomenda aos motoristas que optem por horários alternativos. No retorno, o horário de pico deve ser entre 15h e 23h de terça-feira. Neste período, o tráfego de caminhões estará proibido na via.

A concessionária Autoban acredita que, por conta do feriado, cerca de 760 mil veículos devem trafegar pelas rodovias Anhanguera e Bandeirantes. Em direção ao interior, os motoristas devem evitar sair entre as 17h e 21h na sexta-feira, e das 9h às 14h, de sábado. Para o retorno à capital, a maior concentração de veículos está prevista para entre as 16h e 22h de terça-feira.

São Paulo e Rio de Janeiro

O motorista que irá a utilizar a rodovia Nova Dutra também deve encontrar tráfego intenso a partir das 16h de sexta-feira. A concessionária NovaDutra recomenda que as pessoas tentem encontrar horários alternativos e evitem viajar entre as 8h e 12h de sábado.

Estimativas do SOS Usuário prevêem que 201 mil veículos devem sair de São Paulo e, 169 mil veículos, do Rio de Janeiro.  Outra orientação é evitar o retorno na terça-feira das 16 às 20h, onde há a previsão de que 8 mil veículos por hora passem pela rodovia.

    Leia tudo sobre: feriado de 7 de setembroestradasrodoviastráfego

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG