Laudo aponta pneumonia como causa morte de menina em creche

Segundo delegado responsável pelo caso, durante as investigações não foi encontrado nenhum indício de negligência

iG São Paulo |

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) concluiu nesta semana que a morte da menina Bianca Xavier de Andrade, de quatro meses, na creche Solarzinho Berçário e Mini Maternal, em São Bernardo do Campo, na região do ABC paulista, no dia 26 de setembro, aconteceu por pneumonia e desidratação. O documento contraria as causas apontadas pela família, que argumentava que a criança havia morrido engasgada com leite.

De acordo com o inquérito da Polícia Civil, a mãe deixou a menina Bianca Xavier de Andrade no estabelecimento por volta das 14 horas, após levá-la ao médico pela manhã. Pouco mais de uma hora depois a família foi avisada da morte. “Foi uma fatalidade. A creche fez tudo o que poderia no momento, assim como os médicos do Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência). Segundo o laudo, a criança tinha uma saúde fraca, e não resistiu ao mal súbito. As investigações não apontaram nenhum indício de negligência por parte da creche, como suspeitamos no início, e o laudo apenas confirmou isso”, avaliou o delegado Nelson Jorge Noronha, responsável pelo caso.

Segundo um funcionário da creche, que pediu para não ser identificado, no momento em que a criança era socorrida pelo Samu, a avó de Bianca chegou a gritar dizendo que a menina passou mal na noite anterior. Ainda segundo o funcionário, o bebê tinha a saúde muito debilitada. "Embora a criança tivesse quatro meses de idade, por ter nascido prematura, ela apresentava corpo de apenas um mês. Ela era muito frágil", disse o funcionário.

O caso

Bianca Andrade morreu no dia 26 de setembro, por volta das 16 horas, após um mal súbito. A mãe, Marisa Xavier, deixou a filha na creche por volta das 14 horas. Pouco mais de uma hora depois, uma funcionária da escolinha ligou para Marisa dizendo que ela deveria comparecer na creche urgentemente. Quando a mãe chegou ao local, encontrou a filha morta.

Uma equipe do Samu ainda foi acionada, mas constatou o óbito assim que chegou ao local. Segundo os pais de Bianca, a filha não tinha problemas de saúde. A morte da criança foi registrada no 7º Distrito Policial (DP) de São Bernardo do Campo.

    Leia tudo sobre: crechemortebebe

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG