Quando chegava em casa casal foi abordado por criminosos na região do Butantã; além da arma, celulares e bolsa da vítima foram recuperados

selo

Depois de roubarem um carro na Rua Heitor Ariente, no Jardim das Vertentes, região do Butantã, três ladrões foram presos por policiais militares, por volta da meia-noite, nesta sexta-feira. Com um deles foi encontrada uma garrucha enferrujada, sem munição. 

Onda de assaltos: Caminhoneiros fecham pedágio da Régis Bittencourt e pedem segurança

Quando chegava em casa, aproximadamente às 20h30 de quinta-feira (1), com a mulher, o securitário Carlos César, de 42 anos, foi abordado por duas pessoas, em seu Fiat Punto prata. Ele tentou acelerar o veículo, "mas minha rua estava em obras na outra ponta, impedindo a passagem do carro. Os dois me alcançaram e pensei que iria morrer por ter tentado fugir", contou. Os assaltantes ameaçaram o casal verbalmente, mas levaram o Punto sem agressão física. 

Avisados do crime pelo Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), policiais da 2ª Companhia do 16º Batalhão encontraram o carro no mesmo bairro, andando próximo de um Celta, roubado dois dias antes, e iniciaram perseguição. O soldado Marcus Ribeiro e sua equipe informaram que "apesar de um deles estar armado com a garrucha, não ofereceram resistência". No Punto estavam dois menores, e no Celta um maior. 

Com os detidos, André José Alves Ferreira, de 21 anos, e a dupla de adolescentes, de 16 e 17 anos, foram apreendidos dois celulares, a bolsa e carteira da mulher, R$ 79 e US$ 2. O caso será registrado no 89º Distrito Policial (DP). recuperados

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.