Ladrão é desarmado por refém e acaba preso em São Paulo

Cerca de R$ 1,5 mil e diversos celulares foram recuperados. Outro comparsa fugiu

AE |

selo

Um ladrão foi preso após roubar uma pizzaria e fazer uma mulher de 41 anos refém durante a fuga nesta madrugada, no Brás, região central de São Paulo. A própria vítima conseguiu desarmar o bandido e entregar o revólver calibre 38 aos policiais. Um comparsa fugiu, e R$ 1.545 e diversos celulares foram recuperados.

Segundo a polícia, a dupla chegou em um Gol prata à Pizzaria Ideal, na Avenida Álvaro Ramos, esquina com a Rua Padre Adelino, por volta da 1h30 desta segunda-feira, roubou dinheiro e objetos de valor do caixa e dos clientes e fugiu no veículo, abandonado instantes depois na Rua Siqueira Bueno.

Após sair do Gol, Éderson Rodrigues da Silva, 36 anos, rendeu a motorista de um Ford Ecosport preto e ordenou que ela acelerasse, mas foi surpreendido por policiais militares na Rua Serra de Bocaina. O veículo foi perseguido até o cruzamento das avenidas Álvaro Ramos e Alcântara Machado, onde um farol vermelho obrigou a vítima a parar o carro.

Ao ver os policiais, a motorista sinalizou que Éderson se escondia no piso do banco do passageiro. "Quando eu estava me aproximando do carro, ela se jogou em cima do assaltante, pegou a arma dele e jogou em nossa direção", disse o soldado Anderson Castro, da 3ª Companhia do 45º Batalhão Metropolitano.

Dentro do Gol, que não é roubado, estavam R$ 1.545 e celulares do caixa e dos clientes da pizzaria. Segundo a polícia, Éderson portava 41 pinos com cocaína, além do revólver calibre 38, e já tem passagem por roubo. Ele foi encaminhado ao 8º Distrito Policial, no Brás. A polícia recomenda à população não reagir durante assaltos.

    Leia tudo sobre: assaltorefémpizzariapolícialadrão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG