Justiça garante alimentação aos detentos em Suzano

Presos requisitados para participar das audiências em fórum ficam sem receber nenhuma alimentação durante todo o dia

AE |

selo

A Defensoria Pública de São Paulo em Mogi das Cruzes obteve decisão liminar que garante alimentação aos presos que aguardarem a realização de audiências judiciais no Fórum de Suzano, na Grande São Paulo.

O Defensor Público Rafael de Souza Miranda ajuizou uma Ação Civil Pública (ACP) após a constatação de que os presos requisitados para participar das audiências ficam sem receber nenhuma alimentação durante todo o dia.

O pedido liminar foi aceito pela 3ª Vara Cível da Comarca. Com a decisão, o Estado deverá providenciar o fornecimento de lanches ou marmitas aos detidos no Fórum de Suzano. O lanche deverá seguir o padrão já adotado pela Secretaria de Administração Penitenciária (SAP): um kit composto de dois sanduíches no pão francês e suco de frutas.

    Leia tudo sobre: suzanojustiça

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG