Adolescentes estouraram grade de proteção e três conseguiram fugir. Durante a confusão, dois funcionários foram feitos reféns

selo

Após uma tentativa de fuga dos internos de uma das unidades da Fundação Casa em Sorocaba, no interior de São Paulo, os menores se rebelaram, mantendo dois funcionários reféns. O motim começou por volta das 21h de sábado, quando os jovens conseguiram estourar uma grade de proteção próxima a uma quadra.

Segundo a Fundação Casa, três deles fugiram. Com a chegada da segurança, os menores amarraram dois funcionários, que foram mantidos reféns. Durante a confusão, um deles teve escoriações no rosto. Os internos se renderam por volta das 23h, após negociações.

Dos três fugitivos, um se apresentou espontaneamente logo após a fuga e outro foi preso. Um menor continua foragido. A unidade conta atualmente com 55 internos e tem capacidade para 56 menores.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.