Ferro fundido, avaliado em R$ 35 mil, foi encontrado graças ao GPS instalado no caminhão

selo

O soldador Amadeu Correia, de 52 anos, foi preso em flagrante na sexta-feira, (11), no Jardim Melvi, em Praia Grande, no litoral sul de São Paulo, por receptação de carga roubada. O local foi encontrado através de rastreamento de um dos caminhões roubados.

O representante da empresa do caminhão que transportava ferro fundido, avaliado em R$ 35 mil, avisou a polícia que o sistema de rastreamento mostrava o local onde o caminhão, roubado um dia antes, estava.

Segundo o soldador, ele apenas estava fazendo um serviço no caminhão a pedido de um homem conhecido como Nenê. Durante revista na casa do soldador, os policiais encontraram outra carga roubada, escondida embaixo de uma lona. Desta vez eram 32 barris de cloreto de metileno, que segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), tem relação com a fabricação de drogas. O caso foi registrado na delegacia de Praia Grande.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.