Em rodovia do interior, o gerente Luiz Roberto Pagotto ignorou 5 bloqueios da polícia e dirigiu 30 quilômetros na contramão

selo

Um homem de 67 anos morreu e matou outra pessoa na noite de ontem, depois de dirigir 30 quilômetros na contramão pela Rodovia Washington Luiz, em São Carlos (SP).

De acordo com informações da Polícia Rodoviária, o gerente Luiz Roberto Pagotto bateu de frente com outro veículo. Uma passageira deste carro não resistiu aos ferimentos e morreu.

Antes disso, o motorista fugiu de cinco bloqueios feitos por policiais rodoviários e militares até bater na altura do km 239 da rodovia.

A polícia tentou acompanhar o carro com as sirenes ligadas, mas não conseguiu evitar o acidente. De acordo com informações da Polícia Rodoviária, a passageira do carro morreu na hora.

Destroços do carro, que foi conduzido durante 30 quilômetros na contramão
Futura Press
Destroços do carro, que foi conduzido durante 30 quilômetros na contramão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.