Greve no Aeroporto de Congonhas foi encerrada, diz TAM

Sindicato dos Aeroviários do Estado de São Paulo disse que a paralisação foi interrompida para tentativa de acordo mas pode voltar

iG São Paulo |

A TAM informou que a g reve de seus funcionários no Aeroporto de Congonhas foi encerrada. O Sindicato dos Aeroviários do Estado de São Paulo disse que a paralisação foi interrompida para tentativa de acordo mas pode voltar.

Leia também: Aeroportos de todo o país apresentam voos atrasados

A empresa disse em nota que tenta normalizar as operações. A paralisação foi feita por funcionários do setor de rampa (responsáveis pelas cargas, bagagens e equipamentos de solo).

Segundo a Infraero, às 16h apenas três voos estavam atrasados no Aeroporto de Congonhas.
A greve foi deflagrada às 4h45 e terminou por volta das 13h. Ao menos 69 voos ( 44.8 %) tiveram atrasos e 25 foram cancelados.

Segundo o diretor do sindicato, Rogério dos Santos, os funcionários da TAM paralisaram as atividades e com isso houve efeito cascata, já que as atividades em solo ficam prejudicadas. De acordo com ele, além do reajuste salarial de 9%, os trabalhadores exigem “mais respeito das empresas”.

    Leia tudo sobre: greve aeroportos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG