Governo do Estado de SP reajusta em 22% bolsa para residentes

Valor pago aos médicos que atuam na rede estadual e instituições que tenham convênio SUS subirá de R$ 1.916,46 para R$ 2.338,06

iG São Paulo |

O governo de São Paulo anunciou nesta terça-feira, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, um reajuste de 22% no valor da bolsa paga aos médicos residentes que atuam em hospitais estaduais e instituições que tenham convênio com o Sistema Único de Saúde (SUS) firmado com o Estado. O valor passa de R$ 1.916,46 para R$ 2.338,06.

De acordo com a pasta, o investimento prevê uma ampliação do programa e mais 203 vagas, chegando a um total de 5.051. O impacto anual na folha salarial do Estado foi calculado em cerca de R$ 32,2 milhões.

Os residentes matriculados em instituições próprias da estrutura da Secretaria de Estado da Saúde recebem o valor integral. Aos matriculados em autarquias e instituições conveniadas ou vinculadas, a Saúde despende 84,8% da bolsa e as próprias instituições arcam com os 15,2% restantes.

“Trata-se de um aumento justo para milhares de médicos residentes que prestam inestimável auxílio à assistência em saúde prestada aos usuários do SUS em todo o Estado”, afirma o secretário de Estado da Saúde, Giovanni Guido Cerri.

    Leia tudo sobre: saúdegovernosão paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG