Executivo da Lorenzetti morre atropelado após cair da bicicleta em SP

Segundo testemunhas, Antonio Bertolucci teria perdido o equilíbrio da bicicleta, caído no chão e atropelado por um ônibus

iG São Paulo |

O ciclista Antonio Bertolucci, de 68 anos, morreu nesta segunda-feira após ser atropelado por um ônibus em uma alça de acesso à avenida Sumaré, na zona oeste de São Paulo. Bertoucci era presidente do Conselho de Administração do Grupo Lorenzetti, fabricante de duchas e chuveiros. O ciclista chegou a ser levado para o Hospital das Clínicas, mas morreu logo após dar entrada, às 9h36. 

O acidente ocorreu quando o ciclista passava ao lado da praça Caetano Fraccaroli, que dá acesso à avenida. Segundo relatos de testemunhas, Bertolucci teria perdido o equilíbrio e caído no chão. Um ônibus de uma empresa de turismo estaria passando ao seu lado neste momento e seria o responsável por atropelar o empresário. 

AE
Flores colocada como forma de homenagem no local onde o ciclista Antonio Bertolucci morreu
Ciclistas e cicloativistas organizaram uma manifestação, no mesmo local do acidente . Eles prometem instalar uma "ghost bike" - bicicleta pintada de branco que simboliza a morte de um ciclista - e fazer uma homenagem com velas e flores. A principal reivindicação é chamar atenção para o artigo 201 do Código de Trânsito Brasileiro, que determina que veículos somente devem ultrapassar bicicletas quando houver uma distância lateral de 1,5 metro.

Atropelamento na avenida Paulista

No dia 14 de janeiro de 2009, Márcia Regina de Andrade Prado morreu atropelada por um ônibus enquanto pedalava na Avenida Paulista, em São Paulo. Ela era participante do grupo Bicicletada paulistana e havia assinado o Manifesto dos Invisíveis, em que ciclistas clamam por respeito à vida.

Na ocasião, testemunhas afirmaram que o ônibus foi fazer ultrapassar a ciclista, porém encostou no guidão da bicicleta e isso fez com que Márcia se desequilibrasse. Ela caiu e o ônibus passou por cima dela.

Uma "ghost bike" foi colocada na calçada da Avenida Paulista, próximo ao local do atropelamento . Às vezes, pessoas colocam flores ao lado da bicicleta em homenagem à ciclista.

Com AE

    Leia tudo sobre: ciclistasbicicletaLorenzettiacidente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG