Estação Tamanduateí de Metrô será inaugurada hoje em SP

Inauguração foi confirmada pelo Metrô mesmo após falha que paralisou a circulação dos trens nos dois sentidos da Linha Vermelha

AE |

selo

Com seis meses de atraso e a 12 dias das eleições, a Estação Tamanduateí do Metrô abre hoje suas portas - às 11h30 para autoridades; às 13h para o público. A inauguração foi confirmada pelo Metrô mesmo após a falha nesta manhã que paralisou a circulação dos trens nos dois sentidos da Linha 3 - Vermelha .

AE
Estação Tamanduateí será inaugurada com seis meses de atraso
Última da Linha 2 - Verde (Vila Madalena-Vila Prudente) a ser inaugurada, ela integrará, de forma mais rápida, trens e ônibus da região do ABC ao sistema metroviário da capital paulista. E colocará em prática um projeto intermunicipal de transporte discutido há décadas.

A Linha 2-Verde começou a ser planejada há 30 anos e, em 1991, abriu as primeiras estações - entre o Paraíso e a Consolação. Nos últimos anos, começou a ganhar corpo a necessidade de se discutir ações conjuntas entre as cidades da Região Metropolitana para melhorar o transporte público. Um convênio assinado com a prefeitura de São Caetano de Sul para ligar linhas de ônibus à nova estação de metrô deve ser o embrião da futura autoridade metropolitana - um gestor comum que planeje e administre o setor, em vez de as cidades definirem ações isoladas.

Nos primeiros meses, a Estação Tamanduateí vai funcionar em operação assistida - de segunda a sexta-feira, das 9 horas às 16h30 -, com viagens gratuitas no trecho até a Vila Prudente. O esquema é de praxe para se corrigir eventuais problemas. Quem quiser seguir viagem pela Linha 2 ou migrar para a Linha-10 Turquesa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) pagará tarifa. Das 4h40 às 9 horas e das 16h30 às 21 horas, haverá ônibus da Ponte Orca entre Tamanduateí e Sacomã, de segunda a sexta, exceto feriados.

A previsão é que 70 mil passageiros passem diariamente pelas catracas da nova estação. Devem ser principalmente moradores do Ipiranga e passageiros que usam trens da CPTM entre a Estação da Luz e Rio Grande da Serra, no ABC. Essa linha transporta em média 337 mil passageiros por dia útil - 20 mil deles devem fazer integração com o metrô. Com informações do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: metrô

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG