Dupla mata segurança de casa de shows

Polícia afirma que homens ficaram contrariados por causa de pagamento de comanda

iG São Paulo |

Dois homens revoltados por não poderem sair e voltar com a mesma comanda de uma casa de shows assassinaram um dos seguranças por vollta das 2h20 desta sexta-feira, na Vila Silvia, região de Ermelino Matarazzo, zona leste da capital. Outros dois seguranças foram baleados e não correm risco de morte.

Segundo testemunhas, a dupla estava na "Arena Sertaneja" e queria sair sem pagar para ir até o carro e retornar com a mesma comanda. Diante da negativa dos seguranças, houve um bate-boca e eles concordaram em pagar antes de sair. Alguns minutos depois, voltaram armados com uma pistola .765 e um revólver calibre 38 e atiraram várias vezes na direção das vítimas, que estavam na porta.

A dupla fugiu em alta velocidade em um Voyage vermelho, no sentido bairro, após atravessar o canteiro central da avenida. Edson Aparecido Prado, de 34 anos, foi atingido no tórax e morreu a caminho do hospital, segundo a polícia. Outros dois seguranças estão internados em estado estável no Hospital de Ermelino Matarazzo. O crime foi registrado no 24º DP (Ponte Rasa).

    Leia tudo sobre: casa de showsdiscussãomortebrigatirossegurança

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG