DJ é morto após reclamar de fumante, diz polícia

Versão foi dada a policiais por testemunhas que presenciaram o crime. Cliente está foragido

AE |

Um DJ foi assassinado a tiros após uma discussão em um bar localizado na altura do número 366, da Avenida Juarez Rios de Vasconcelos, no centro de Diadema, região metropolitana de São Paulo, por volta das 22h de domingo. 

Segundo testemunhas, Carlos Alberto Sabino, de 40 anos, que trabalhava no Bar Açaí, pediu para um cliente que fumava dentro da casa apagar seu cigarro. Eles teriam discutido e o cliente, armado, disparou quatro vezes contra o DJ.

Sabino morreu no local e o assassino fugiu.O crime foi registrado no 1º DP de Diadema.


    Leia tudo sobre: políciaassassinatoDiadema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG