Controlar quer aumento integral na tarifa de vistoria para 2011

Empresa responsável pela inspeção veicular em São Paulo entra com recurso para garantir reajuste integral na tarifa de vistoria

iG São Paulo |

A Controlar, empresa responsável pela inspeção veicular na cidade de São Paulo, entrou nesta quarta-feira com recurso na prefeitura para exigir o aumento na tarifa de vistoria para 2011.

A Secretaria do Verde e do Meio Ambiente decidiu manter inalterado o valor da taxa de R$ 56,44 para o próximo ano. A Controlar quer o reajuste integral de 11,32%, referente a evolução do IGP-M em 2010. A nova tarifa sairia por R$ 62,82.

“A concessionária está confiante que o direito de reajuste anual assegurado pelo Contrato de Concessão será respeitado, após a análise dos argumentos apresentados”, afirma a Controlar, em nota.

Para a prefeitura, a Controlar não apresentou um "estudo de reequilíbrio econômico financeiro do contrato" à Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente. A empresa diz que não existe essa exigência, mas, mesmo assim, entregará o estudo o mais breve possível, disse na nota.

Leia também: Reajuste da taxa de inspeção veicular em SP é adiado

    Leia tudo sobre: Inspeção veicularSão Paulotarifavistoria

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG