Contra roubos, bancos em São Paulo terão divisórias em caixas

Governador Geraldo Alckmin promulgou ontem lei que transforma os caixas em cabines de atendimento

AE |

selo

Os caixas das agências bancárias estão prestes a se transformar em verdadeiras cabines de atendimento, se depender da lei promulgada ontem pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), e de suas regulamentações. A nova legislação determina a instalação de divisórias entre os caixas, a fim de garantir mais privacidade aos clientes e combater as chamadas "saidinhas de banco".

O projeto foi apresentado em 2009 pelo então deputado estadual Vanderlei Siraque (PT-SP). "A lei tem dois objetivos: proteger a intimidade do cidadão e coibir a 'saidinha'", diz, referindo-se ao golpe em que um ladrão fica fora do banco, aguardando que o cliente saia com uma quantia significativa de dinheiro, normalmente informada por alguém no lado de dentro.

A Lei 1236/09 ainda precisa de regulamentação. Até o momento, determina que a divisória tenha, no mínimo, 1,80 metro de altura e seja de um material opaco. Os bancos que não se adaptarem à lei em até 90 dias, a partir da regulamentação, estarão sujeitos a multas de R$ 8.725. Outros acessórios para isolar a transação em andamento ainda serão discutidos pelos bancos. "Tem de ser de tal forma que só o caixa saiba o que faço com meu dinheiro", completa Siraque.

Medida inócua

A discussão sobre as demais especificações técnicas deve ser quente, pois a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) considera a lei inócua. "Não tem eficácia. Cria diversos cubículos, dificultando a visão dos seguranças e a circulação", argumenta o diretor técnico da Febraban, Wilson Gutierrez.

Além disso, a posição dos bancos é de que o golpe da saidinha ocorre, de fato, na rua e, portanto, não é de sua responsabilidade. "Trabalhamos orientando funcionários e clientes sobre como evitar ser vítima do golpe", diz Gutierrez. "Mas não podemos fazer a segurança fora da agência", complementa o diretor, que ainda não tem estimativa de quanto sairá a instalação das divisórias para as agências bancárias. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: bancocabine de atendimentocaixa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG