CET: restrição a caminhões em SP melhora fluidez em 24%

Na Marginal Pinheiros lentidão foi 1% maior que a registrada no mesmo dia de 2009, mas CET diz que foi devido a acidente

iG São Paulo |

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) afirmou que a restrição aos caminhões na Marginal Pinheiros e nas avenidas Bandeirantes, Afonso D'Escragnole Taunay e a Jornalista Roberto Marinho, que entrou em vigor na quinta-feira , melhorou em 24% a fluidez do trânsito em São Paulo. A comparação foi feita usando o 3 de setembro de 2009, também uma quinta-feira da primeira semana de setembro.

Segundo a CET, os índices médios de lentidão no período entre 7h e 18h foram de 51,1 km ante 68 km no ano passado. Na avenida dos Bandeirantes, o órgão afirma que o ganho na fluidez foi de 79% na mesma comparação, passando de 7,3 km em setembro de 2009 para 1,5 km na quinta-feira.

Já na Marginal Pinheiros houve alta de 1% e a lentidão média foi de 6,7 km antes os 6,6 km de 2009, mas, segundo a CET, isso aconteceu devido a um acidente.

A restrição à circulação para a Marginal Pinheiros (em todas as suas denominações) abrange as pistas local e expressa, no trecho compreendido entre a Ponte do Jaguaré e a Ponte do Morumbi (excluídas da restrição as referidas pontes e suas alças de acesso), em ambos os sentidos. Já nas avenidas dos Bandeirantes, na av. Afonso D´Escragnole Taunay e na av. Jornalista Roberto Marinho, as restições valem para toda a extensão das vias, em ambos os sentidos

A probição vale de segunda-feira a sexta-feira, das 5h às 21h, e aos sábados, das 10h às 14h, exceto nos feriados. Os Veículos Urbanos de Carga (VUC) que se cadastraram no Departamento de Operação do Sistema Viário (DSV), pelo site da prefeitura, estão livres da medida. A multa para quem descumprir a medida é de R$ 85 e resulta em 4 pontos na carteira de habilitação.

Conforme a CET, a fiscalização será feita por meio de oito radares eletrônicos, 45 agentes de trânsito e 12 policiais do Comando de Policiamento de Trânsito (CPTran).

    Leia tudo sobre: lentidãoproibiçãocaminhõescet

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG