Cerca de 1,9 milhão de carros devem acessar estradas de SP

Movimento em direção ao litoral e ao interior aumenta nesta sexta. Veja abaixo as operações de feriado nas principais rodovias

iG São Paulo |

Cerca de 1,9 milhão de veículos devem circular pelas rodovias do interior e litoral de São Paulo nos quatro dias da Operação Finados, segundo informações da Secretaria de Transportes do Estado. O maior fluxo de veículos deverá ser registrado nas estradas que levam ao litoral.

Os horários de maior pico de tráfego devem ser das 16 horas às 24 horas da sexta-feira (dia 29) e das 7 horas às 15 horas do sábado (dia 30). Na volta, o maior movimento deve ocorrer das 15 horas às 24 horas de terça-feira (dia 02), de acordo com a secretaria.

Como em outras operações especiais e com o objetivo de reduzir o número de acidentes e de vítimas, os policiais, durante as fiscalizações de rotina e nos atendimentos de eventuais acidentes de trânsito, darão atenção especial à verificação do consumo de bebidas alcoólicas. Neste feriado, os motoristas devem ficar atentos às novas exigências do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que estabelece a utilização de equipamentos de segurança no transporte de crianças.

Anchieta e Imigrantes

Aproximadamente 415 mil veículos devem deixar São Paulo em direção ao litoral sul do Estado no  feriado, segundo estimativa da concessionária Ecovias, empresa que administra as rodovias Anchieta e Imigrantes. A contagem se inicia à 0h da sexta-feira, 29, e vai até a 0h da terça-feira, 2.

A Operação Descida (7x3) será implantada na sexta-feira, a partir das 15 horas, quando se espera um aumento no fluxo de veículos em direção ao litoral. Os veículos que descem a serra poderão utilizar as duas pistas (sul e norte) da Via Anchieta e a pista sul da Rodovia dos Imigrantes.

A subida será feita pela pista norte da rodovia dos Imigrantes. Tanto a pista nova da Imigrantes quanto a pista norte da Anchieta serão destinadas apenas para veículos de passeio, para dividir o tráfego entre as duas rodovias, diminuindo as chances de congestionamentos, de acordo com a Ecovias.

A operação se estenderá até as 2 horas da madrugada, quando voltará a operação normal (5x5), e retornará no sábado, das 7 horas às 20 horas. No domingo, a operação descida (7x3) será novamente implantada a partir das 8 horas e se estenderá até as 14 horas.

Para facilitar o retorno dos motoristas à capital, a Ecovias irá implantar a operação subida 2x8 já no domingo, 31, a partir das 15 horas. A subida será feita pelas duas pistas da Imigrantes (norte e sul) e pela pista norte da Anchieta. Nessa operação, que se estenderá até as 24 horas, o acesso ao litoral será feito somente pela pista sul da Via Anchieta.

Via Dutra

A CCR NovaDutra inicia a operação especial de orientação e atendimento aos motoristas e passageiros durante o feriado prolongado de Finados. A Concessionária prevê que o tráfego na rodovia deverá ficar intenso entre 16h e 20h da sexta e também da terça-feira (02/11) retorno do feriado. A expectativa da Concessionária é que cerca de 218 mil veículos saiam de São Paulo e 137 mil veículos deixem o Rio de Janeiro entre a zero hora de sexta-feira (29) e a meianoite de sábado (30).

Anhanguera e Bandeirantes

No próximo final de semana prolongado do feriadom a CCR AutoBAn prevê o tráfego de 770 mil veículos entre saída e chegada à aapital pelas rodovias Anhanguera e Bandeirantes, no período de sexta-feira (29/10) a terça-feira (2/11). Em direção ao interior, os motoristas devem evitar os horários entre 17h e 20h na sexta-feira (29) e das 9h às 13h de sábado (30). Para o retorno à capital, a maior concentração de veículos está prevista para o horário entre 15h e 21h de terça-feira (2).

O Centro de Controle Operacional (CCO) da AutoBAn monitora 24 horas todo o sistema viário, em conjunto com o Polícia Militar Rodoviária, por meio dos equipamentos do Sistema de Monitoramento de Tráfego. O serviço gratuito SOS Usuário estará à disposição para atendimento aos motoristas com várias viaturas, entre guinchos leves e pesados, veículos de inspeção de tráfego, ambulâncias, caminhões-pipa e para apreensão de animais, auto-guindaste e veículos de apoio. Além do Disque AutoBAn (0800 055 5550), os usuários do Sistema Anhanguera- Bandeirantes contam com 540 telefones de emergência, localizados a cada quilômetro nas duas pistas das rodovias.

Castello Branco e Raposo Tavares

A concessionária ViaOeste inicia sua operação especial para o feriado quando mais de 555 mil veículos devem circular pelos dois sentidos do Sistema Castello-Raposo. As praças de pedágio vão atender com capacidade plena nas cabines de arrecadação. Caso seja necessário, a concessionária acionará a operação "papafila".

Durante o feriado prolongado, toda a frota de veículos da concessionária será acionada para inspecionar o tráfego e prestar socorro médico e mecânico. A Operação Feriado terá início à 0h do dia 29 de outubro (sexta-feira) e se estenderá até as 24h de terça (02/11). As obras em execução no Sistema que causam interferência no tráfego, como desvios ou interdições de pista, serão suspensas das 12h de sexta e devem se estender até as 12h de quarta-feira (03/10), nos períodos de maior fluxo. Os horários de pico devem ser na sexta-feira (29/10) – 17h às 22h (sentido interior), no aábado (30/10) – 7h às 15h (sentido interior) e na terça-feira – (02/11) – 15h às 22h (sentido capital).

Ayrton Senna e Carvalho Pinto

Durante o feriado de Finados, a concessionária Ecopistas, que administra o Corredor Ayrton Senna/Carvalho Pinto, estima que cerca de 190 mil veículos deixem São Paulo utilizando suas estradas. Já para ir e voltar da região serrana de Campos do Jordão, Litoral Norte, Alto Tietê e Vale do Paraíba, a expectativa é de que entre 720 e 807 mil veículos passem pelas quatro praças de pedágio do Corredor, em ambos os sentidos.

A concessionária implantará a operação papa-fila nas quatro praças de pedágio do Corredor, de acordo com a demanda, a fim de garantir o bom fluxo de veículos e o conforto dos usuários. Portanto, caso formem-se filas, 65 funcionários da empresa estarão à disposição para fazer a cobrança nas faixas de rolamento, antecipadamente às cabines. Em caso de emergência, os motoristas devem solicitar o auxílio da concessionária por meio do telefone gratuito 0800-7770070. Na Ayrton Senna, os motoristas também podem utilizar os telefones de emergência, localizados a cada quilômetro da estrada.

Régis Bittencourt

A Autopista Régis Bittencourt, concessionária que administra a BR-116 de São Paulo a Curitiba, preparou uma operação especial para feriado. O esquema contará com recursos operacionais extras (guinchos, ambulâncias, viaturas), montagem de faixas reversíveis e liberação de acostamento em trechos e horários pré-determinados para o tráfego de veículos na descida e subida da Serra do Cafezal (região de Miracatu). A previsão é de que haja um aumento de 15% do volume diário médio de tráfego em relação aos dias normais. Nessas datas, não haverá obras que possam causar retenções de tráfego. 

Operação Especial para Serra do Cafezal

A Autopista Régis Bittencourt realizará em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal uma operação especial na Serra do Cafezal - trecho entre o km 337 e o km 367, entre os municípios de Juquitiba e Miracatu. As equipes da Autopista estarão dispostas em pontos estratégicos da via para agilizar os atendimentos. O objetivo é aumentar a capacidade de volume de tráfego por hora no trecho de pista simples, por meio da liberação do acostamento e da montagem de faixas reversíveis. A operação contará com placas indicativas e de regulamentação, além de três painéis de mensagens variáveis (PMV), funcionando 24 horas por dia. 

Desvios de Tráfego

No km 508 (região de Cajati-SP), no sentido Curitiba, o tráfego é operado em faixa única por um desvio de 500 metros, devido a obras de recuperação do viaduto. Outro desvio fica na altura do km 331 (região de Juquitiba-SP), no sentido São Paulo, onde o tráfego também é operado por uma faixa. A intervenção foi necessária devido a um afundamento ocorrido na pista e o local está em obras. 

O tráfego flui apenas por uma faixa na passagem pela ponte sobre o Rio Mirim, no km 61,7 da pista sentido Curitiba, na região de Campina Grande do Sul (PR). O motivo é a execução de obras de alargamento e reforço da ponte. 

Fernão Dias

A Autopista Fernão Dias, concessionária que administra a BR-381 de São Paulo a Belo Horizonte, prepara uma operação especial para o feriado com recursos operacionais extras e um esquema diferenciado de sinalização para trechos específicos da rodovia. O reforço na operação de atendimento ao usuário começa na sexta-feira, 29 de outubro, e segue até terça-feira, dia 2. Entre sexta-feira (29/10) e sábado (30/10), cerca de 120 mil veículos devem sair de São Paulo no sentido interior.

Conforme a resolução nº 3.531, de 18/06/2010, da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), desde 1º de julho está proibido o tráfego de caminhões de três ou mais eixos aos domingos e feriados no sentido São Paulo da rodovia, de Atibaia (km 36,3) ao final do trecho da concessão (km 90,4), na capital paulista. A proibição é válida por 180 dias e vigora entre 14h e 22h.

Mão Dupla no Km 79

O trecho que vai do km 76 ao km 79, da pista sentido São Paulo da rodovia, está operando em mão dupla. A mudança – por tempo indeterminado – foi necessária devido à interdição da pista sentido Belo Horizonte, em função do deslocamento da encosta localizada no sentido contrário, que danificou as estruturas do viaduto no km 77. A execução de mão dupla no trecho busca minimizar os transtornos ao usuário, com segurança.

Nesse trecho de três quilômetros de extensão, o tráfego é feito em ambas as direções, com duas faixas liberadas para o sentido Belo Horizonte e duas faixas para o sentido São Paulo, sem acostamento. A medida será mantida até que o viaduto do km 77 esteja restabelecido e ofereça segurança para o tráfego. É importante que os motoristas respeitem a sinalização e a velocidade máxima permitida de 60 km/h no local.

    Leia tudo sobre: feriadofinados

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG