Casas condenadas após desabamento são demolidas

Um muro da CPTM desabou terça-feira (18) e 29 casas foram interditadas pela Defesa Civil. Ninguém ficou ferido

AE |

selo

Foram demolidos nesta quarta-feira parte dos barracos construídos próximo a linha de trem em Pirituba, na zona norte de São Paulo. Na manhã de terça (18), 29 casas foram interditadas pela Defesa Civil depois que o muro da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) desabou. Não houve feridos.

Leia também: Muro da CPTM desaba e interdita barracos em São Paulo

Segundo a Secretaria de Coordenação das Subprefeituras, os 10 barracos condenados foram demolidos. Os imóveis foram erguidos em uma área irregular na Rua Pedro Jabur, entre as estações Pirituba e Piqueri da CPTM. Todas as famílias foram removidas do local. Os moradores devem ser incluídos no programa habitacional da Prefeitura.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG