Uma placa na entrada do imóvel identificava o local como um consultório odontológico

selo

Um estabelecimento irregular que oferecia serviços de "massagem afrodisíaca" foi interditado pela Prefeitura de São Paulo ontem, na zona sul da cidade. Uma placa na entrada do imóvel identificava o local como um consultório odontológico. Os proprietários tiveram cancelado o pedido de licença de funcionamento, de acordo com informações da Secretaria de Coordenação das Subprefeituras.

Além disso, o estabelecimento espalhava publicidade irregular pelas regiões de Moema e Santo Amaro. Foram aplicadas ao menos quatro multas pela Lei Cidade Limpa, no valor de R$ 10 mil cada. As faixas tinham a inscrição "Massagem afrodisíaca, saúde e vitalidade".

Os donos do estabelecimento foram encaminhados para o 96º Distrito Policial e poderão responder por crime ambiental e facilitação à prostituição. O lugar estava sendo investigado havia um mês.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.