Campinas e região têm a madrugada mais fria do ano

Termômetros de centro da Unicamp marcaram 11,6ºC no município

AE |

selo

A região de Campinas (SP) teve a madrugada mais fria do ano nesta terça-feira. De acordo com registros do Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura (Cepagri) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), os termômetros marcaram 11,6ºC no município. A madrugada mais fria até então havia sido a de 28 de abril, quando os termômetros apontaram 14,1ºC. 

De acordo com o pesquisador Jurandir Zullo Junior, diferentemente de uma chuva de verão - fenômeno que pode ter intensidades diferentes de um bairro para outro de uma mesma cidade - a queda de temperatura por causa da frente fria que chegou no fim de semana deu-se em um perímetro regional.

Segundo Zullo Junior, a frente fria já deixou a região e ainda está em Minas, Rio e Espírito Santo, mas as baixas temperaturas devem ser registradas ainda hoje em Campinas e região. "As temperaturas voltam a subir a partir de quinta-feira", afirmou o especialista.

Embora a medição seja feita no município, por tratar-se de um fenômeno com alcance regional, conforme ele, é possível que esse cenário se repita em municípios a até 40 quilômetros de Campinas. "Os valores oscilam, mas nada muito diferente do que registramos aqui". A umidade relativa do ar, que chegou a 35,8% no último sábado, estava em 60% hoje. Os especialistas consideram a umidade relativa do ar baixa quando os valores estão abaixo de 30%.

    Leia tudo sobre: campinastemperaturaclima

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG