Bingo mantinha devedor preso em banheiro em SP

Uma mulher ligou para a polícia após ficar detida e não ter saldo suficiente para pagar R$ 1 mil em apostas

AE |

selo

Os banheiros de uma casa de bingos eram usados para manter presos os clientes que não tinham dinheiro para pagar as apostas, em Sorocaba (SP). O local foi invadido pela Polícia Militar (PM) depois que uma mulher foi mantida em cárcere privado e chamou a polícia pelo celular, na madrugada de ontem. Ela havia perdido R$ 1 mil em apostas e não tinha saldo suficiente no cartão de débito. Os seguranças a trancaram no banheiro. Quatro funcionários e 20 apostadores foram levados para o plantão da Polícia Civil, mas acabaram sendo liberados.

Veja vídeo: PF fecha bingo clandestino no Rio de Janeiro

Ao pedir socorro à polícia, a mulher forneceu o endereço do bingo, um imóvel localizado em bairro residencial de alto padrão. Os policiais pediram a funcionários que abrissem a casa e verificaram que ali funcionava uma casa de jogos clandestina. Depois de resgatar a vítima, eles deram voz de prisão aos funcionários e passaram a identificar os apostadores.

Foram apreendidos um computador, seis roteadores, 50 máquinas caça-níqueis, R$ 3,6 mil e dinheiro e R$ 2,8 mil em cheques, além de planilhas de apostas. Os funcionários foram ouvidos e negaram ter trancado a apostadora no banheiro. O proprietário do imóvel não estava no local, mas foi identificado e será intimado para prestar esclarecimentos. Um inquérito foi aberto para apurar o caso.

    Leia tudo sobre: bingoapostadoressorocaba

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG