Baixa umidade do ar deixa São Paulo em estado de atenção

Umidade relativa do ar está em torno de 30% e deve diminuir, segundo Centro de Gerenciamento de Emergências

iG São Paulo |

A Secretaria Municipal de Segurança Urbana, por meio da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil da Cidade de São Paulo, decretou estado de atenção para toda a cidade de São Paulo porque a umidade relativa do ar está em torno de 30 %, mas a previsão do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) indica que esse número está baixando.

Segundo o CGE, no início da tarde desta sexta-feira as temperaturas chegaram aos 27°C e o tempo seco e estável dificulta a dispersão de poluentes, favorecendo a formação de queimadas e prejudicando a qualidade do ar.

De acordo com a Defesa Civil, nos meses em que ocorrem poucas chuvas é comum que a umidade do ar fique reduzida, o que causa um aumento nos níveis de dióxido de enxofre e material particulado, devido às piores condições de dispersão. Isso propicia o surgimento ou agravamento de doenças respiratórias, cardiovasculares e oculares.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG