Assaltantes roubam joalheria no Shopping Morumbi, em São Paulo

Casal que teria realizado o assalto foi preso nos arredores do shopping com os objetos roubados

iG São Paulo |

Um casal de assaltantes invadiu, no início da tarde desta quarta-feira, a joalheria Montblanc, do Shopping Morumbi, na zona sul de São Paulo. Conforme a assessoria de imprensa da loja, o casal, vestido com roupas sociais, entrou na loja e anunciou o assalto. Uma terceira pessoa dava suporte a ação do lado de fora. Os objetos roubados foram recuperados.

Rahel Patrasso/ Futura Press
Arma, cargas de caneta e abotoaduras que foram apreendidas com o casal suspeito de efetuar o roubo

De acordo com a polícia, a dupla saiu da loja sem fazer reféns. A polícia chegou rapidamente ao local após uma ligação para o 190. O homem e a mulher que efetuaram o assalto foram presos nos arredores do shopping, após terem sido acompanhados pelos seguranças que não agiram dentro do shopping para não colocar os clientes em risco. Ninguém ficou ferido.

Segundo o shopping, os assaltantes levaram cargas de caneta, um par de brincos e abotoaduras que estavam na vitrine. Os objetos foram recuperados com os suspeitos, junto com uma arma calibre 38.

A Polícia Militar (PM) ainda faz a ronda na região em busca do terceiro criminoso, que conseguiu fugir. O shopping e a joalheria estão abertos ao público e funcionando normalmente.

O caso foi registrado na 96º DP e será encaminhado para a delegacia de Repressão a Roubo de Joias do Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado (Deic), criada para tentar conter a onda da assaltos a joalherias que aconteceram neste ano.

AE
Mulher é presa após roubo em shopping

Outros casos

No último dia 7 de agosto, pelo menos 10 homens entraram no Santana Parque Shopping, na zona norte de São Paulo, e simultaneamente assaltaram a Casa das Alianças e a JK Alianças. Ao todo, levaram R$ 251 mil entre dinheiro e jóias. Durante a ação, o segurança Alex Pinto, de 24 anos, foi baleado na cabeça e morreu dias depois .

O delegado José Antônio do Nascimento, da delegacia de Repressão a Roubo de Joias, do Deic, afirmou que o crime tem se tornado mais atrativo . “Não diria que é o crime da moda, mas tem sido uma migração. Temos uma média de um caso a cada 30 dias”, disse. As joalherias Tiffany e Rolex , do shopping Cidade Jardim, um dos mais luxuosos do País, também já foram assaltadas.

Migração

Do início do ano até o mês passado, conforme o Deic, pelo menos onze joalherias localizadas dentro de shoppings e supermercados foram assaltadas em São Paulo. Para o delegado, este tipo de crime tem se tornado mais atrativo. “Não diria que é o crime da moda, mas tem sido uma migração. Temos uma média de um caso a cada 30 dias”, afirmou o delegado Nascimento.

O fato dos seguranças de shopping andarem desarmados e os assaltantes poderem se misturar em meio aos clientes são alguns dos fatores que, segundo ele, explicariam o aumento. “A medida que se reprime um crime, com roubo a banco e de carga, eles tentam outro.”

*com informações da Agência Estado

    Leia tudo sobre: roubojoalheria

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG