Após assembleia, funcionários da Fundação Casa aprovam greve

Paralisação pode ocorrer no dia 20 deste mês e foi aprovada por 500 funcionários; centro socioeducativo tem 12 mil trabalhadores

iG São Paulo |

Funcionários da Fundação Casa, reunidos em assembleia geral nesta sexta-feira, aprovaram uma paralisação a partir do dia 20 deste mês, em São Paulo. As informações são do Sindicato dos Trabalhadores em Entidades de Assistência e Educação à Criança ao Adolescente e à Família do Estado de São Paulo (Sintraemfra), entidade que representa a categoria.

Unidade Itaim Paulista: Adolescentes liberam reféns da Fundação Casa de SP

Entenda o caso: Funcionários contam como é trabalhar no 'barril de pólvora'

A Fundação Casa possui aproximadamente 12 mil funcionários. De acordo com o sindicato, cerca de 500 trabalhadores participaram da reunião. Eles reivindicam reajustes salariais, reposição de perdas e segurança nos locais de trabalho.

Em nota, a entidade informou que há pelo menos 3 meses está em campanha salarial, mas a Fundação Casa não teria sinalizado negociações. No dia 17 de março, será realizada uma nova assembleia da categoria para ratificar a decisão da paralisação.

Outro lado

Procurada pela reportagem, a Fundação Casa informou que o pedido do sindicato está sendo analisado pelo governo. Ainda de acordo com o centro, no último dia 28, os sindicalistas foram recebidos pela presidente da instituição. "No ano passado, os servidores tiveram reajuste salarial de 6,05%. Também receberam aumento de 10% no vale-refeição e auxílio-creche, além de um aumento de 45,65% no vale-alimentação", diz nota.

    Leia tudo sobre: fundação casagrevefuncionáriosassembleia geral

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG