Após acidente, parque de diversões fecha em São Paulo

Menina de 14 anos morreu na atração 'La Tour Eiffel'. Polícia isolou o local e realizou perícia para definir causas do acidente

iG São Paulo |

Divulgação
Brinquedo do Hopi Hari é réplica da Torre Eiffel e possui 69,5 metros de altura
O parque temático Hopi Hari decidiu fechar as portas, na tarde desta sexta-feira, após um acidente que matou uma adolescente de 14 anos. Em nota, a assessoria de imprensa do parque confirmou que, por volta das 10h20, o brinquedo La Tour Eiffel já havia sido fechado.

O caso: Adolescente morre em acidente em parque de diversões em São Paulo

Em férias: Japonesa, menina morta no Hopi Hari passava férias no Brasil

Às 13h, os funcionários do parque avisaram os usuários de que o complexo seria fechado. Os frequentadores foram direcionados à bilheteria do parque, onde é feito o reembolso dos ingressos.

O Hopi Hari vai reabrir neste sábado (25), das 10h as 19h. Mas a atração La Tour Eiffel ficará fechada até que as causas do acidente sejam esclarecidas.

"O parque lamenta profundamente o ocorrido, está prestando toda a assistência à família da vítima e apoiando os órgãos responsáveis na investigação", diz a nota da assessoria de imprensa.

Um dos frequentadores do parque disse ao iG que Gabriela Yokuri Michelari teria sido atingida na cabeça pelo assento do elevador, mas testemunhas afirmaram que a menina caiu do assento do brinquedo no momento da desaceleração da queda, quando já estava próximo ao solo.

A garota foi socorrida pela rede Intermédica, que possui posto no Hopi Hari, e levada ao Hospital Paulo Sacramento, em Jundiaí, cidade vizinha a Vinhedo. As equipes de resgate e do hospital informaram que a vítima já chegou morta ao pronto-socorre e que sofreu politraumatismo e parada cardíaca.

A Polícia Militar de Vinhedo foi acionada e isolou a área. A Polícia Técnica realizou perícia na torre e nos arredores para investigar as hipóteses do acidente. 

Brinquedo

O aparelho é uma réplica da Torre Eiffel. Conhecido como o 'elevador', ele possui 69,5 metros de altura com assentos que sobem a 5 metros por segundo. Os visitantes ficam parados por 2 segundos na altura de um prédio de 23 andares. Segundo o próprio parque, com o tranco do assento, os usuários despencam em queda livre chegando a 94 Km/h.

Veja outros acidentes em parques de diversões

Inaugurado em novembro de 1999, o Hopi Hari é considerado um dos maiores parques de diversão da América Latina. Com mais de 50 atrações, o complexo está localizado no km 72 da rodovia dos Bandeirantes, a 30 km de Campinas e a 72 km da capital paulista. Ao todo, o paque possui 760 mil metros quadrados.

Outro caso

Em setembro de 2007, o estudante Arthur Wolf, de 15 anos, morreu após passar pela atração Labirinto, do parque. O brinquedo era uma sala escura com corredores nos quais funcionários fantasiados de monstros dão sustos nos visitantes. Pelo ambiente é espalhada fumaça de gelo seco. Os médicos que atenderam o garoto disseram que a morte foi causada por choque anafilático, seguido de parada cardiorrespiratória.

    Leia tudo sobre: acidenteparque de diversõesla tour eiffelhopi hari

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG