Aluno de 16 anos ingeriu bebidas alcoólicas com três colegas em escola de Tatuí

Um aluno de 16 anos passou mal depois de ingerir bebidas alcoólicas com três colegas na Escola Estadual Barão de Suruí, no final da tarde de segunda-feira, em Tatuí, no interior de São Paulo. O menor vomitou e chegou a ficar inconsciente. Ele foi levado pelo Corpo de Bombeiros ao Pronto-Socorro Municipal e, depois de medicado, foi liberado.

A mãe do menor, Angela Dias da Rosa, alega que houve omissão dos funcionários e da direção da escola. "Meu filho não levou bebida de casa, nem comprou na rua." Segundo ela, o garoto teve de ser socorrido pelos próprios colegas.

O conselheiro tutelar Paulo Momberg apurou que as bebidas foram levadas para a escola por uma aluna, que também é adolescente. Ela alegou que comprou o produto, à base de vodca, num estabelecimento próximo. O dirigente regional Reinaldo Luiz Vieira disse que o controle é difícil, pois a escola não pode abrir as mochilas dos alunos. A diretoria de ensino abriu sindicância para apurar em 30 dias como as bebidas foram parar no interior da escola e se houve omissão dos funcionários. Os estudantes também podem ser punidos com suspensão das aulas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.