Agente penitenciário é morto ao ter moto roubada em SP

Polícia investiga se agente reagiu a assalto em São Vicente, no litoral sul de São Paulo

AE |

selo

O agente penitenciário Gilvan Almeida dos Santos foi morto na noite de domingo ao ter a moto roubada no bairro de Cidade Náutica, em São Vicente, litoral sul paulista. Segundo informações da polícia, clientes de uma padaria que fica em frente ao local do crime ligaram para o 190 após encontrarem a vítima caída e baleada. Policiais militares da 2ª Companhia do 39º Batalhão do Interior (BPM/I) constataram que Santos já estava morto.

Da vítima, que estava de folga e trabalhava na Penitenciária I de São Vicente, no bairro Samaritá, os assaltantes também levaram uma pistola 380. Conforme a polícia, a moto possui dispositivo que corta automaticamente o combustível e por isso foi abandonada pelos criminosos na pista marginal da Rodovia Anchieta, na Vila dos Pescadores. O latrocínio - roubo seguido de morte - foi registrado no 1º Distrito Policial de São Vicente. Ainda não se sabe se o agente reagiu ao assalto.

    Leia tudo sobre: assaltolatrocínioagente penitenciário

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG