Acusados de agressão em boate são julgados no interior de SP

Metalúrgico foi agredido com socos e pontápes em frente a boate de Sorocaba e teve traumatismo craniano, em junho de 2008

iG São Paulo |

Três dos oito jovens acusados de agredir o metalúrgico Fabiano Dias Rodrigues, na porta de uma boate no centro de Sorocaba, interior de São Paulo, em junho de 2008, são julgados nesta quinta-feira no fórum da cidade.

Talisson Augusto Cleis, Denis Adriano Correa Leite e Willy Ravi Athaide são acusados de tentativa de homicídio triplamente qualificado. Segundo informações do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), na época do crime, dois dos agressores eram menores de idade e foram encaminhados à Fundação Casa (antiga Febém). Os outros três tiveram a acusação reclassificada para lesão corporal gravíssima.

O juiz José Eduardo Marcondes Machado, que preside a sessão, exibiu logo no início imagens das câmeras de segurança da boate, que mostram o metalúrgico sendo agredido. Rodrigues recebeu vários chutes na cabeça e, mesmo desacordado no chão, continuou sendo espancado.

Segundo o TJ, os próprios acusados se reconheceram nas imagens, o que faz disso a prova mais forte do julgamento. Desta forma, três testemunhas de defesa e uma de acusação - que era a mãe de Rodrigues - foram dispensadas de serem ouvidas.

Por volta das 14h, o julgamento estava na parte de debates entre acusação e defesa. A setença deve sair ainda nesta quinta-feira. Rodrigues ainda hoje sofre as consequências da agressão, que lhe causaram um traumatismo craniano. Ele já passou por cirurgias e tem dificuldades para falar e se movimentar.

*Com informações da Agência Estado

    Leia tudo sobre: agressãometalúrgicoboatejulgamento

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG