Infestação de ratos e baratas interdita bloco cirúrgico de hospital em São Paulo

Por Anderson Passos - iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Hospital no bairro do Brás, região central da cidade, é gerido pelo governo do Estado de São Paulo, que nega o ocorrido

Uma infestação de ratos e baratas causou a interdição, no começo desta semana, do bloco cirúrgico do Hospital e Maternidade Leonor Mendes de Barros, localizado no bairro do Brás, região central da capital paulista. O hospital é gerido pelo governo do Estado de São Paulo, que nega o ocorrido.

Hospital está com centro cirúrgico interditado por conta de infestação de ratos e baratas
Anderson Passos/iG São Paulo
Hospital está com centro cirúrgico interditado por conta de infestação de ratos e baratas

Leia mais: 'Recebi ordem da enfermeira para dar banho e colocar fralda usada no paciente'

Hospital infantil em SP fica sem água

Segundo uma enfermeira, que pediu anonimato, "o problema de infestação ocorre em todo o bloco cirúrgico e atinge também o ambulatório".

"Foi interditado porque há um cheiro forte, persistente, e ainda não localizaram o ninho dos ratos", descreve outra servidora que pediu anonimato.

"Fizemos uma primeira denúncia de infestação por ratos e baratas em junho do ano passado", confirma uma terceira funcionária do local.

Nesta sexta-feira (27), representantes dos conselhos Estadual e Municipal de Saúde prometem levar ao conhecimento de ambos os órgãos os problemas do Hospital Leonor Mendes de Barros. "Vamos pedir uma vistoria da Anvisa no menor prazo possível", acenou uma fonte. 

Alagamentos

O hospital também convive com alagamentos. As chuvas torrenciais da última semana, em especial o temporal do dia 16 de março, provocaram estragos no ambulatório e geraram transtornos aos pacientes, que ficaram com água na altura da canela (assista ao vídeo abaixo). 

Em novembro passado, ratos de grande porte foram capturados após uma inundação. O ambulatório fica na Avenida Celso Garcia, número 2477. O terreno está abaixo do nível da avenida e qualquer chuva forte gera problemas. 

Em uma área ao lado do ambulatório, o governo do Estado de São Paulo está construindo um novo prédio para acolher as consultas ambulatoriais. A previsão de entrega é para o final de 2016.

Ratos de grande porte foram capturados no local em novembro do ano passado
Arquivo pessoal
Ratos de grande porte foram capturados no local em novembro do ano passado

Secretaria de Saúde

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde destaca que "as denúncias são completamente falsas e absurdas. Em primeiro lugar, o centro cirúrgico da unidade não está interditado e nenhuma cirurgia programada foi cancelada. Tanto que nas últimas 24 horas foram realizadas oito cirurgias no setor".

Em relação ao alagamento ocorrido na unidade na semana passada, a direção do hospital alega que o problema não foi exclusivo da unidade já que "todas as ruas no entorno foram afetadas pelas fortes chuvas que acometeram a região. Vale ressaltar, porém, que, em nenhum momento, os atendimentos foram suspensos ou prejudicados".

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas