O Cantareira registrou 0,1% de queda entre sábado e domingo; sistema tem operado na cidade com 10,5% de sua capacidade

Os seis principais sistemas que abastecem a capital e a região metropolitana de São Paulo voltaram a registrar queda neste domingo (16), segundo novo balanço da Sabesp.

Ontem: "Paga-se muito pouco pela água no Brasil", diz chefe de comitê da ONU

Vista da seca nas represas Jaguari e Jacareí do Sistema Cantareira entre os municípios de Piracaia e Joanópolis (14/11)
Futura Press
Vista da seca nas represas Jaguari e Jacareí do Sistema Cantareira entre os municípios de Piracaia e Joanópolis (14/11)


Dia 12: São Paulo começa a usar segundo volume morto da Cantareira

O Cantareira, principal sistema da cidade, registrou 0,1% de queda de sábado (15) até a manhã deste domingo. Atualmente, o sistema tem operado com 10,5% de sua capacidade e atende 6,5 milhões de habitantes.

Ao longo deste mês, o reservatório vem registrando quedas sucessivas. Nesses últimos 16 dias, por exemplo, o Cantareira registrou queda de 1,7 ponto percentual. 

De acordo com esses dados, se os sistemas fossem unificados, teriam juntos 14,88% de suas capacidades. Os sistemas abastecem cerca de 19 milhões de habitantes. 

Recentemente, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou o aumento da conta de água a partir de dezembro. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.