Apesar da chuva, nível do Cantareira cai novamente

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

A última cota do volume morto está com 12,1% do total; o Sistema Alto Tietê permaneceu estável e mantém 8,9%

Agência Brasil

Apesar das chuvas que atingiram o estado de São Paulo neste final de semana, o nível do Sistema Cantareira caiu 0,1% de ontem para hoje (2). A segunda – e última – cota do volume morto está com 12,1% do total. O Sistema Alto Tietê permaneceu estável ontem (1º) e mantém 8,9%.

Luiz Augusto Daidone/Prefeitura de Vargem
Represa do Jaguari, na cidade de Vargem

Em outubro, o Alto Tietê recebeu 20,1 milímetros (mm) de chuva, ante uma média histórica de 117,1 mm para o mês. No Cantareira, foram 42,5mm de chuvas em outubro (a média histórica é 130,8mm). Os dados são da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo.

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura de São Paulo, as chuvas devem voltar a ocorrer de forma isolada e localizada à tarde e na noite de hoje. A previsão indica o retorno das precipitações, com volumes mais elevados, a partir de amanhã (3), na capital e na região dos reservatórios do Sistema Cantareira.

Leia também:

Despoluição da represa Billings pode salvar o abastecimento de água em São Paulo

Cantareira pode levar até 15 anos para se recuperar

Sabesp gasta R$ 1,5 bilhão em 5 anos para economizar R$ 13 milhões em água

Perda de água daria para abastecer uma cidade com 685 mil habitantes

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas