Jovem foi atingido por amigo que brincava com uma arma. Acidente aconteceu na madrugada da segunda-feira (27)

O estudande conhecido por ajudar a promover rolezinhos, encontros organizados pelas redes sociais principalmente em shoppings da capital paulista e da Grande São Paulo, Leonardo Henrique Soares Alvarenga, 16, foi morto na madrugada desta segunda-feira (27) no parque Guarani, na zona leste da capital.

Mais:  Rolezinho no shopping "é para pegar mulher”, diz participante

Organizador de rolezinho é morto na zona leste de São Paulo
Reprodução/Facebook
Organizador de rolezinho é morto na zona leste de São Paulo

O jovem foi atingido por um tiro na cabeça disparado pelo amigo, Leonardo Pereira de Almeida, 18. Os dois voltavam acompanhados de mais quatro pessoas de uma festa.

Vídeos mostram rolezinho no shopping antes da repressão policial

Após uma perícia no veículo foi constatado que o disparo havia partido de dentro do carro. Os amigos dos jovens relataram à polícia que Almeida disparou acidentalmente em Alvarenga ao brincar com uma arma emprestada. 

Ainda de acordo com informações da polícia, o revólver calibre 38 era de Robson dos Santos Lopes, 30, preso em flagrante por porte ilegal de arma.

O caso foi registrado no 32° Distrito Policial, em Itaquera, e os dois suspeitos estão detidos.

Polícia usa bala de borracha e spray para acabar com rolezinho em shopping

Rolezinho de protesto se espalha, mas não atrai movimento original

No perfil de Alvarenga nas redes sociais, amigos e fãs homenagearam o estudante. "Queria que fosse só um pesadelo, mas sei que está em um bom lugar. Descance em paz, Leo", postou uma das seguidoras do jovem no Facebook. 

Veja fotos de rolezinhos:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.