Seis sistemas de abastecimento de São Paulo registram queda em seus níveis

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

No Sistema Cantareira, que já opera utilizando parte da reserva técnica, o nível passou de 5,3% para 5,1% nesta sexta-feira

Agência Brasil

Os seis sistemas de abastecimento de água de cidades da região metropolitana de São Paulo tiveram queda em seus níveis de ontem (9) para hoje (10), de acordo com dados da Companhia de Saneamento Básico do estado de São Paulo (Sabesp). No Sistema Cantareira, que já opera utilizando parte da reserva técnica, o nível passou de 5,3% para 5,1%. No Alto Tietê , ontem, a Sabesp registrou 11,1% da capacidade e hoje registra 10,9%.

Nível do Cantareira cai para 5,5% e Sabesp estuda reduzir vazão

Obras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura PressObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura PressObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura PressObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura PressSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia Stavis

No Sistema Guarapiranga houve queda de 6 pontos percentuais, com o nível de água passando de 48,7% para 48,1%. No Alto Cotia passou de 33,7% para 33,3%. No Rio Grande, ontem, o nível era 75,3 e hoje a Sabesp registra 75%. E no Rio Claro o nível passou de 56,5% para 55,8%.

Leia mais:
MP tenta preservar água do Cantareira para 2015, diz especialista da Unicamp
Ministério Público tenta impedir uso da 2ª cota do volume morto do Cantareira

Em nenhum dos sistemas foi registrada chuva. De acordo com informações do CPTEC/INPE, não há previsão de chuva para a região Sudeste para os próximos dias. Para hoje no norte do Espírito Santo e no nordeste de Minas Gerais haverá sol e variação de nuvens. Nas demais áreas da região, há sol e temperatura estável.

Para o sábado no litoral do Espírito Santo e sul de São Paulo haverá sol e variação de nuvens. Nas outras áreas o sol deve predominar com temperatura elevada e estável.

Na cidade de São Paulo hoje há sol com máxima chegando a 30°C. No final de semana, o sol também predomina com variação de 20°C a 32°C. A possibilidade de chuvas só aparece na tarde de terça-feira quando as temperaturas devem chegar a 20°C (mínima) e 32°C (máximas).

Leia tudo sobre: iGSPSão Paulosecasistema cantareiracantareira

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas