Tesoureiro do PCC é preso com Mustang e moto de luxo em casa

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Suspeito está sendo investigado por lavagem de dinheiro por meio da compra de apartamentos e lojas de automóveis

A Polícia Civil prendeu, na manhã desta terça-feira (12), um rapaz de 36 anos suspeito de ser o tesoureiro do Primeiro Comando da Capital (PCC). Ele está sendo investigado por lavagem de dinheiro por meio da compra de apartamentos, lojas de automóveis e estacionamentos. O suspeito foi detido em uma das suas dez residências, onde foram apreendidos um Mustang e uma motocicleta de luxo.

Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública, na residência dos pais do suspeito foram encontrados documentos, como contratos de compra e venda de imóveis que serão analisados pela polícia.

O suspeito também está envolvido em um caso de homicídio que é investigado desde maio. Em janeiro, o rapaz negociava a compra de uma metralhadora em um quiosque no Guarujá, quando acabou disparando uma rajada da arma que atingiu e matou o dono do quiosque. Ele foi preso e indiciado pelo crime.

Leia tudo sobre: pcclavagem de dinheiroprisãoigspsão paulo

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas