Executivo que viajaria a Brasília desaparece em aeroporto em São Paulo

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Câmeras de segurança do aeroporto mostram Luís Sergio Dias Vignatti chegando sozinho a Congonhas, mas sem embarcar

Reprodução
Empresário desaparece em aeroporto de São Paulo

O executivo do ramo financeiro Luís Sergio Dias Vignatti, 55 anos, desapareceu no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, na última segunda-feira (24). O caso é investigado por policiais civis da Delegacia de Apoio ao Turista (Deatur) desde a noite de quarta (23), quando a família do homem registrou Boletim de Ocorrência relatando o seu desaparecimento.

Câmeras de segurança do aeroporto mostram Vignatti chegando ao local sozinho, com uma mochila e uma mala. Ele tinha passagem comprada para Brasília, onde teria compromissos de negócios, mas sequer chegou a fazer o check-in para embarcar.

Imagens mostram o executivo entrando e saindo da farmácia, mas não revelam se ele chegou a deixar o local para realizar a troca de dinheiro em uma casa de câmbio de Interlagos, segundo teria informado um amigo que conversou com o desaparecido pelo celular na data em questão.

A família suspeitou do sumiço após constatar que o executivo não havia chegado ao seu destino e por não conseguir contatá-lo pelo celular. Um veículo de luxo pertencente a Vignatti permanece estacionado na área VIP do aeroporto desde segunda.

A polícia investiga o caso por meio da análise de imagens das câmeras de segurança e pela quebra de sigilo bancário do empresário, que pode mostrar se e quando ele fez saques. Nenhuma hipótese é descartada, mas por enquanto o caso é tratado como desaparecimento.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas