Sem-teto protestam contra despejo no centro de São Paulo

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo a PM, cerca de mil moradores protestam contra ação de despejo expedida pela Justiça, a pedido da Construtora Even

Agência Brasil

Moradores da Ocupação Portal do Povo, no Morumbi, zona sul de São Paulo, fazem uma caminhada pela Avenida Paulista. De acordo com a Polícia Militar, são cerca de mil moradores que protestam contra uma ação de despejo expedida pela Justiça, a pedido da Construtora Even.

Segundo o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), cerca de 4 mil famílias ocupam o terreno desde o dia 20 de junho. O movimento reclama que a área estava abandonada há mais de 20 anos e que, portanto, pode ser destinada à construção de moradias populares.

J. Duran Machfee/Futura Press
Manifestação do MTST na Avenida Paulista em São Paulo


Segundo Natália Vermeta, integrante da coordenação do MTST, a intenção é seguir em caminhada até a Secretaria de Habitação, no centro da cidade, e tentar abrir um canal de diálogo com a construtora dona da área: “O Portal do Povo é um acampamento que está a dias para ser despejado. Durante um mês de ocupação tentamos diálogo com a construtora, que se nega a dialogar. Hoje nossa intenção é buscar, junto ao poder público, uma solução para que possamos evitar um novo massacre, um novo Pinheirinho”, disse ao citar a desocupação e posterior destruição de todas as casas erguidas em uma ocupação em São José dos Campos, em janeiro de 2012.

No início do mês, por meio de nota, a construtora informou que o terreno é de propriedade privada e foi adquirido há quase três anos. A empresa diz ainda que há um projeto para a construção de um empreendimento residencial no local, com lançamento previsto para 2014.

Leia tudo sobre: MTSTmanifestaçãopaulista

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas