Protesto contra ação policial fecha avenida na Zona Leste de São Paulo

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Tropa de Choque da PM foi enviada para a Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, na Vila Prudente

Cerca de 70 pessoas, segundo a Polícia Militar, protestam na Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, na Vila Prudente, bloqueando ambos os sentidos da via. Segundo a Polícia Militar, os manifestantes protestam contra uma ação policial ocorrida na manhã de hoje (21), na mesma avenida, em que uma pessoa foi baleada por policiais após uma tentativa de roubo a um veículo. De acordo com o órgão, a pessoa baleada é um dos criminosos que tentaram roubar o veículo; manifestantes alegam se tratar de um morador da região. 

Às 19h30, agentes da Tropa de Choque chegaram ao local e se valeram de bombas de efeito moral e gás lacrimogêneo para dispersar manifestantes que construíam barricadas. A Polícia Militar não divulgou informações sobre feridos ou detidos durante o protesto. 

O protesto teve início por volta das 16h desta segunda (21), quando os manifestantes atearam fogo a objetos de madeira e pneus, bloqueando os dois sentidos da avenida. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) chegou a recomendar que os motoristas evitassem circular na região, e utilizassem as ruas Capitão Pacheco e Chaves. Por volta das 19h30, a lentidão chegou a 0.6 quilômetros no sentido bairro/Centro e 2.3 quilômetros no sentido Centro/bairro; a via foi liberada. 

* Com Agência Brasil

Leia tudo sobre: protestopolícia militarzona lesteiGSP

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas