Projeto prevê que visitantes sejam revistados por meio eletrônicos, como scanners e detectores de metais

Um projeto de lei que prevê o fum das revistas íntimas foi aprovado pelos deputados estaduais de São Paulo. O projeto ainda precisa do aval do governador Geraldo Alckmin para entrar em vigor.

Veja vídeo de uma revista íntima gravado em uma prisão de Goiás em 2012

Se aprovado, os visitantes de detentos serão revistados por meio de scanners e detectores de metais. 

Adolestentes: Fundação Casa realiza até 15 revistas vexatórias por dia nos internos

Mais: Entidades engrossam coro pelo fim da revista vexatória nos presídios brasileiros

O texto de autoria do deputado José Bittencourt (PSD) acaba com os procedimentos considerados humilhantes e vextatório durante as revistas, como nudez, agachamentos e exames clínicos. 

Veja reproduções do manual de regras para revistas dos funcionários e cartas de familiares de presos 

Em junho, um projeto da deputada Ana Rita (PT-ES) que prevê o fim da revista íntima em todos os presídios do País foi aprovado no Senado Federal. O projeto ainda precisa ser apreciado na Câmara dos Deputados, antes de ser submetido a sanção da presidente Dilma Rousseff (PT). 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.