MTST muda estratégia e concentra protesto contra a Copa nesta quinta-feira

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Concentração de manifestação está marcada para as 17h, no Largo da Batata. Cidade teve recorde de lentidão pela manhã e deve ter o trânsito ainda mais prejudicado durante a tarde

Após duas semanas realizando diversos protestos menores por regiões diferentes de São Paulo, o Movimentos dos Trabalhadores Sem Teto agendou uma manifestação com o tema "Copa sem povo, tô na rua de novo", nesta quinta-feira (22). A concentração está marcada para as 17h, no Largo da Batata, na zona oeste de São Paulo.

Dia 8: Movimentos sociais ocupam sedes de três construtoras em São Paulo

Dia 15: Protestos fecham avenidas e rodovia de São Paulo

Veja abaixo imagens do último protesto:

Protesto do MTST na região do Terminal João Dias, na zona sul de São Paulo, na manhã desta quinta-feira (15). Foto: Luiz Claudio Barbosa/Futura PressProtesto do MTST bloqueia a Marginal Tietê, na altura da Ponte Orestes Quércia (Estaiadinha), sentido Rodovia Ayrton Senna, nesta quinta-feira (15). Foto: Alice Vergueiro/Futura PressProtesto bloqueia a Marginal Tietê, na altura da Ponte Orestes Quércia (Estaiadinha), nesta quinta-feira (15). Polícia agiu para liberar a pista. Foto:  Alice Vergueiro/FuturaAto em frente ao Itaquerão, em São Paulo, nesta quinta-feira (15). Foto: Divulgação/MTSTManifestantes protestam em frente ao Itaquerão, na manhã desta quinta-feira (15), na zona leste de São Paulo. Foto: Divulgação/MTSTManifestantes protestam em frente ao Itaquerão, na manhã desta quinta-feira (15), na zona leste de São Paulo. Foto: Divulgação/MTSTManifestantes protestam em frente ao Itaquerão, na manhã desta quinta-feira (15), na zona leste de São Paulo. Foto: Divulgação/MTSTIntegrantes da ocupação Copa do Povo, realizam protesto no terreno ocupado, em São Paulo, na manhã desta quinta. Foto: PETER LEONE/FUTURA PRESSAmanhacer na ocupação Copa do Povo, em Itaquera, na zona leste de São Paulo nesta quinta-feira (15). Foto: PETER LEONE/FUTURA PRESSManifestantes ligados à Ocupação Esperança, em Osasco (SP), realizam protesto na rodovia Anhanguera. Foto: Oslaim Brito/Futura PressIntegrantes do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes realizam protesto na avenida Presidente Wilson, na Mooca, em São Paulo, nesta quinta (15). Foto: Renato Mendes/Futura PressManifestantes da ocupação Copa do Povo chegando a Radial Leste, próximo ao Itaquerão. Foto: Divulgação/MTSTMomento da interrupção da Marginal Tietê, na altura da Ponte Estaiadinha. Foto: Divulgação/MTSTManifestantes na Marginal Tietê, na altura da Ponte Estaiadinha. Foto: Divulgação/MTSTManifestantes na Marginal Tietê, na altura da Ponte Estaiadinha. Foto: Divulgação/MTSTManifestantes da ocupação Copa do Povo, chegando na Radial Leste. Foto: Divulgação/MTSTManifestantes da ocupação Copa do Povo, chegando na Radial Leste. Foto: Divulgação/MTST

Segundo o movimento, são esperadas mais de 15 mil pessoas das ocupações que o movimento organiza em São Paulo e na região metropolitana. 

Congestionamento na capital: São Paulo tem recorde de lentidão em 2014

Esse será o terceiro ato da campanha que começou no dia 8, com a ocupação da sede de grandes empreiteiras relacionadas a Copa, e seguiu no dia 15, com o bloqueio de várias avenidas em São Paulo e outras cidades do país.

De acordo com o movimento, entre as pautas desejadas pelo MTST estão o "controle público do reajuste de aluguéis urbanos estabelecendo o índice inflacionário como teto dos reajustes"; "uma política federal de prevenção de despejos forçados, com a formação de uma comissão de acompanhamento; "mudanças no Programa Minha Casa Minha Vida, fortalecendo a modalidade entidades e com regras que estimulem melhor localização e maior qualidade das obras".

Leia tudo sobre: protestomtstsão pauloigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas