Pneu de avião da TAM estoura durante pouso no interior de São Paulo

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Voo decolou às 7h55 de Congonhas com 144 passageiros. Ao pousar em São José do Rio Preto, o pneu estourou e o avião parou somente no fim da pista do aeroportos

Um avião da TAM teve um de seus pneus estourado durante a operação de pouso no interior de São Paulo, neste sábado (17). O incidente ocorreu com o voo JJ3740, que saiu do aeroporto de Congonhas, na capital paulista, rumo a São José do Rio Preto.

Leia também: 

Queda de avião mata ministros e outras autoridades do Laos

Piloto consegue pousar avião com asa quebrada

Reprodução
Avião parou no fim da pista (imagem de arquivo)

O avião decolou às 7h55 com 144 passageiros a bordo e chegou a cidade do interior paulista por volta das 8h40. Ao pousar, o pneu estourou e o avião parou somente no fim da pista.

"A TAM informa que a aeronave que realizava o voo JJ3740 (São Paulo/Congonhas - São José do Rio Preto), nesta manhã (17), teve um pneu furado no momento do pouso na cidade do interior paulista", informou a empresa em comunicado à imprensa, sem detalhar o motivo do incidente.

Segundo a empresa, o avião "passará por manutenção corretiva". Procurados, representantes do aeroporto em São José do Rio Preto, se recusaram a falar sobre o assunto.

Ainda de acordo com a TAM, outros três voos operados pela companhia no dia de hoje, com origem ou destino neste aeroporto, poderão sofrer atrasos. São eles: JJ3745 (São José do Rio Preto – São Paulo/Congonhas), JJ3490 (São Paulo/Guarulhos – São José do Rio Preto) e JJ3491 (São José do Rio Preto – São Paulo/Guarulhos).

Com relação ao desembarque dos passageiros, a TAM informou que iniciou o procedimento 30 minutos após o pouso, seguindo as normas de segurança.

Veja desastres aéreos misteriosos pelo mundo:

Varig 967: o avião desapareceu no Pacífico cerca de 20 minutos após decolar do Japão rumo ao Brasil. Destroços jamais foram achados. Foto: Reprodução/YoutubeMalaysia Airlines: avião desapareceu no dia 8 com 239 pessoas a bordo para a China. Ainda não há dados concretos sobre sua localização. Foto: APMalaysia Airlines: parentes dos passageiros chineses desaparecidos choram após pedir informações sobre o sumiço da aeronave. Foto: APHelios Airways: voo 522 ia do Chipre à Grécia e caiu. Mas, segundo investigação, os 117 passageiros morreram sufocados horas antes da queda. Foto: Reprodução/YoutubeHelios Airways: investigações sobre o voo, que ia do Chipre à Grecia, afirmam que pilotos não conseguiram pressurizar a cabine. Foto: Reprodução/YoutubeSteve Fosset: americano sumiu com seu monomotor ao sobrevoar o deserto de Nevada em 2007. Destroços foram encontrados um ano depois. Foto: Getty ImagesSteve Fosset: destroços do monomotor que o aventureiro americano pilotava quando desapareceu sobre o deserto de Nevada, EUA, em 2007. Foto: Getty ImagesTrans World Airlines: voo 800 dos EUA explodiu ao decolar e as 230 pessoas a bordo morreram. Investigação aponta curto-circuito 'suspeito'. Foto: Wikimedia CommonsEgypt Air: voo 990 ia dos EUA ao Egito e caiu no Atlântico em 1999, deixando 217 mortos. EUA dizem que copiloto derrubou avião de propósito. Foto: Wikimedia CommonsB47: aeronave com material para armas nucleares sumiu no Mediterrâneo em 1956. Nem avião ou seus três tripulantes foram encontrados. Foto: Wikimedia CommonsAir France: avião caiu no Atlântico em 2009 e as caixas-pretas foram encontradas 2 anos depois. As 228 pessoas a bordo morreram. Foto: Wikimedia CommonsAer Lingus: avião irlandês sumiu em 1968 após 'algo incomum' atingir a aeronave e matar os 61 a bordo. Foto: Wikimedia CommonsTorpedeiros: na 2ª Guerra Mundial, Marinha dos EUA enviou 5 aviões com 14 tripulantes ao Triângulo das Bermudas. Eles nunca mais voltaram. Foto: Wikimedia CommonsPan Am: em 1957, voo 7 sumiu entre a Califórnia e o Havaí e foi encontrado após 5 dias. Autópsias indicaram que pessoas a bordo morreram intoxicadas. Foto: Reprodução/YoutubeVoo 571: avião uruguaio caiu nos Andes em 1972 e teve 19 sobreviventes, que recorreram ao canibalismo até ser resgatados dois meses depois. Foto: Reprodução/YoutubeStar Dust: em 1947, avião da British Avro Lancastrian caiu nos Andes da Argentina rumo ao Chile. Destroços foram descobertos 50 anos após a queda. Foto: Reprodução/YoutubeLady Be Good: avião de bombardeio saiu da Itália em 1943 e nunca mais voltou à base na Líbia. Soube-se, 15 anos depois, que sua rota foi alterada. Foto: Reprodução/YoutubeAmelia Earhart: 1ª mulher a pilotar avião que cruzou o Atlântico, desapareceu em 1937 no Pacífico e foi declarada morta 2 anos depois. Foto: © APTiger Line 739: em 1962, o voo saiu da ilha de Guam, EUA, com 90 a bordo rumo às Filipinas e nunca mais foi encontrado. Foto: Reprodução/YoutubeVittorio Missoni: estilista italiano e sua família morreram a bordo de um avião venezuelano. Eles só foram encontrados 6 meses após o acidente. Foto: Getty Images

* Com Reuters

Leia tudo sobre: tampneu estouradosão pauloigspavião

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas