Agentes penitenciários de São Paulo suspendem greve por 48 horas

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Suspensão foi sugerida pelo Ministério Público do Trabalho. Categoria exige correção salarial de 20,64% e aumento de 5%

Os agentes penitenciários de São Paulo decidiram suspender a greve iniciada há 15 dias por 48 horas, acatando sugestão do Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP). A negociação da pauta de reivindicações com o governo paulista será retomada em reunião marcada para a manhã desta terça-feira (25). 

Leia também:

Tropa de Choque é chamada para permitir entrada de detentos em presídio

Os servidores reivindicam correção salarial de 20,64%, a título de reposição de perdas causadas pela inflação no período de 2007 a 2012, mais 5% de aumento real de salários, entre outras solicitações de melhoria das condições de trabalho.



compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas