Mulher grávida morre após cair em córrego em São Paulo; bebê está na UTI

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Temporal desta quarta-feira provocou transbordamento de córregos e alagamentos, principalmente na zona sul

Agência Brasil

Uma mulher de 37 anos morreu depois de cair no Córrego Água Espraiada, zona sul paulistana, no final da tarde desta quarta-feira (12). Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a vítima, que estava grávida, chegou a ser resgatada pelo Corpo de Bombeiros. Ela foi encaminhada ao Hospital Municipal Arthur de Ribeiro de Saboya, no Jabaquara, também na zona sul, com parada cardiorrespiratória e não resistiu.

Foi feita uma cesariana de emergência para salvamento do bebê. O menino, prematuro, foi encaminhado para a UTI Neonatal e inspira cuidados.

Leia Mais: Córregos transbordam e alagam ruas de SP

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergência (CGE), o temporal da tarde de hoje provocou o transbordamento de córregos e alagamentos na zonal sul. As subprefeituras de M´Boi Mirim e Campo Limpo entraram em estado de alerta devido ao transbordamento do Córrego Morro do S. O Córrego Ipiranga também extravasou. O Córrego Água Espraiada, no entanto, não transbordou.

No último sábado (7), um homem morreu ao cair em um córrego durante o temporal que atingiu a Grande São Paulo. O corpo foi encontrado no domingo (8) pelo Corpo de Bombeiros na altura da Avenida Eduardo Roberto Daher, em Itapecerica da Serra.

Leia tudo sobre: IGSPCórregochuvaTemporal

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas