Nível de água no sistema Cantareira cai para menos de 18%, diz Sabesp

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Volume armazenado chegou a 17,9% nesta quinta-feira. Chuva acumulada no mês é de 48,7 mm, ante média de 202,6 mm

O nível de água no sistema Cantareira ficou abaixo de 18% nesta quinta-feira (20), chegando a 17,9%, de acordo com a Sabesp. A previsão é que só volta a chover na Grande São Paulo a partir desta sexta-feira. Mesmo após um fm de semana e uma segunda-feira chovosos, o volume de água não foi suficiente para reverter a contínua queda do nível no sistema, que abastece cerca de dez milhões de usuários na capital e na região metropolitana. 

Leia também:

Racionamento de água afeta municípios de Norte a Sul do Brasil

Cidades paulistas enfrentam sistema de rodízio no abastecimento de água

iG Paulista: Valinhos decreta estado de emergência

Veja imagens do sistema Cantareira:

Sistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia Stavis

A chuva acumulada no mês é de 48,7 mm, ante média de 202,6 mm. Para evitar o desperdício, a Sabesp oferece descontos a usuários que reduzirem o consumo. Se a queda for de pelo menos 20% - na comparação com os últimos 12 meses -, o usuário tem direito a uma conta 30% mais barata.

Mais:

Após bônus, população economiza água suficiente para abastecer 600 mil pessoas

Cenário desolador nas reservas de água de São Paulo

Entre os dias 9 e 16 de fevereiro, a economia de água ultrapassou dois mil litros por segundo, chegando a 2,12 m³ por segundo. Esta quantidade equivale ao uso de 183 mil caixas d'água (de mil litros) em um dia.

Leia tudo sobre: igspsão paulosistema cantareiracantareiraáguaabastecimentosabespfalta de água

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas