Mais um ônibus é incendiado na zona leste de São Paulo

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Criminosos usaram entulhos para interromper via e obrigar o veículo a parar. Por conta da série de ataques, linhas das zonas sul e leste da cidade deixaram de circular à noite

Maus um ônibus foi incendiado na cidade de São Paulo na noite desta quarta-feira (29). Desta vez, o ataque aconteceu na rua Gabiroba de Minas, no Jardim Gianetti, região do Lajeado. O ataque eleva a 33 o número de ônibus queimados desde o início do ano, o que dá uma média de mais de um coletivo atacado por dia. A Polícia Civil investiga se esses incêndios são ações do crime organizado.

Conheça a home do Último Segundo

Ministério Público tenta garantir circulação de ônibus em São Paulo

Passa de 30 o número de ônibus incendiados neste mês em São Paulo

Ônibus é incêndiado na estrada turística do Jaraguá, na zona norte de São Paulo (12/02/2014). Foto: Edison Temoteo/Futura PressÔnibus é incendiado na zona sula de São Paulo - 01/02/14. Foto: Edison Temoteo/Futura PressÔnibus é incendiado na rua Gabiroba de Minas, no Jardim Gianetti, região do Lajeado, na zona leste de São Paulo. Foto: Edison Temoteo/Futura PressManifestantes atearam fogo em um ônibus na Estrada do M'Boi Mirim em São Paulo, no começo da tarde desta quarta-feira (29). Foto: Fabricio Bomjardim/Futura PressÔnibus queimado na Avenida Kemel Adas, em Cidade Kemel, na zona leste de São Paulo. Foto: Nivaldo Lima/Futura PressÔnibus incendiado em Ermelino Matarazzo. Foto: Nivaldo Lima/Futura PressÔnibus pega fogo na Marginal Tietê. Foto: Nivaldo Lima/Futura PressCerca de 50 manifestante exigiram melhores condições de moradia.. Foto: Reprodução/TV GloboÔnibus queimado na zona leste de SP. Foto: Reprodução/TV Globo

De acordo com informaçõs da Polícia Militar, cerca de 15 criminosos interromperam a via com entulhos e obrigaram o motorista a parar. O coletivo, da Viação VIP, fazia a Linha Metrô Itaquera – Santo Antônio. Em seguida, entraram no ônibus, pediram que os passageiros descessem, quebraram os vidros do e atearam fogo ao veículo.

O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas não conseguiu evitar que o veículo ficasse completamente destruído. Não houve detidos e ninguém ficou ferido. O caso será investigado pelo 63° Distrito Policial, da Vila Jacuí.

Também na quarta-feira, a Polícia Militar deteve quatro homens e apreendeu quatro menores de idade, suspeitos de atearem fogo num ônibus que passava pela Estrada do M’Boi Mirim, na zona sul, por volta das 12h. O grupo, que protestava pela morte de um homem, interditou a via e gritou palavras de ordem como “justiça”.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, os suspeitos foram encontrados com galão de gasolina, chumaço de estopa, mangueira e isqueiros. Eles foram indiciados pelos crimes de incêndio, associação criminosa e dano ao patrimônio.

Falta de segurança

Desde o último sábado (25), pelo menos 22 linhas de ônibus não estão circulando à noite em bairros da zona sul e oeste de São Paulo alegando falta de segurança.

As linhas que operam com dificuldades estão nas áreas do Jardim João XXIII, zona oeste, e do Jardim Ângela, zona sul. Nessas regiões, 10 linhas de ônibus da Transppass, quatro operadas pela concessionária VIP e oito da permissionária Cooper Pam começaram a ter suas frotas recolhidas às garagens mais cedo por determinação das empresas.

Leia tudo sobre: igspsão pauloônibus incendiado

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas